Confissões do Crematório - Caitlin Doughty

DSCN5648
Skoob – Avaliação: 5/5

Ainda jovem, Caitlin conseguiu emprego em um crematório na Califórnia e aprendeu muito mais do que imaginava barbeando cadáveres e preparando corpos para a incineração. A exposição constante à morte mudou completamente sua forma de encarar a vida e a levou a escrever um livro diferente de tudo o que você já leu sobre o assunto.  

Confissões do Crematório reúne histórias reais do dia-a-dia de uma casa funerária, inúmeras curiosidades e fatos filosóficos, históricos e mitológicos. Tudo, é claro, com uma boa dose de humor. Enquanto varre as cinzas das máquinas de incineração ou explica com o que um crânio em chamas se parece, ela desmistifica a morte para si e para seus leitores.  

O livro de Caitlin – criadora da websérie Ask a Mortician – levanta a cortina preta que nos separa dos bastidores dos funerais e nos faz refletir sobre a vida e a morte de maneira inteligente, honesta e despretensiosa – exatamente como deve ser. Como a autora ressalta na nota que abre o livro, “a ignorância não é uma bênção, é apenas uma forma profunda de terror”.

*Livro de acervo pessoal da blogueira*
DSCN5664

Caitlin Doughty desde pequena era obcecada pela morte, talvez não de uma maneira boa, talvez não do jeito certo, talvez cedo demais, talvez a morte estivesse presente em sua vida demais, principalmente para uma garota de oito anos, mas fato é que ela sempre teve curiosidade por esse assunto considerado mórbido para a maioria das pessoas, e quando ela começa a trabalhar em um crematório – por falta de opção mesmo – ela começa encarar esse assunto que rodeou sem mundo de outra maneira, com outros olhos.  

Em Confissões do Crematório vamos acompanhar desde seu primeiro dia naquela empresa, desde o primeiro morto que teve que barbear até os bebes natimortos, senhorinhas e pedaços humanos que teve que cremar durante alguns anos nesse emprego tão peculiar.

O livro é separado em capítulos que vão ‘conversar’ com o leitor sobre determinada situação que ela viveu no seu emprego, não de uma forma chata ou dramática demais, mas como uma conversa descontraída onde ela vai contar vários momentos divertidos, nojentos, instrutivos e reflexivos que mudaram a sua forma de encarar a morte. Além de termos suas experiências vamos aprender também sobre os costumes fúnebres em diversas culturas e religiões, sobre detalhes mais ‘técnicos’ que acontecem com o corpo antes do velório e cremação e também sobre situações bem inusitadas que ela nunca imaginou ter que lidar, tudo relacionado ao tema geral daquele capítulo.
Essa ‘divisão’ do livro é muito boa, pois como são assuntos separados podemos parar a leitura e intercalar o livro com outro, pois para um leitor que não sabe encarar muito bem tal temática alguns trechos ou assuntos podem ser um pouco fortes e impactantes.

Mas o ponto forte do livro são os questionamentos da autora sobre a morte. Todos aprenderam desde pequenos que vamos morrer um dia, mas ainda assim a morte é um tabu que todos evitam falar, pensar, ver e agir sobre quando nos deparamos com ela. Porque isso acontece? Porque as pessoas colocam uma máscara sobre a morte, porque as pessoas tem tanto medo de encarar a realidade que todos vamos partir um dia e com isso tornam tal assunto tão difícil?

DSCN5642

Esse livro é simplesmente brilhante, aos mais curiosos com o processo pós-morte de embalsamento e cremação o livro é um prato cheio e vai matar toda e qualquer curiosidade que você já teve sobre o assunto, eu fiquei com os olhos brilhando com todos os detalhes que ela descreveu, é claro que alguns são meio nojentinhos, mas mesmo assim é brilhante saber todos os truques usados pelos profissionais envolvidos nesse duro trabalho de deixar o morto mais ‘digno’ para a família vê-lo pela última vez. Para os mais fracos de estômago algumas partes serão meio pesadas, mas ainda assim o livro é uma ótima pedida para nós leitores quebrarmos um pouco o tabu da morte e podermos pensar um pouco mais sobre nossos hábitos culturais e quem sabe um dia podermos encarar a morte com mais naturalidade.

Para finalizar, não posso deixar de citar o quanto essa edição é linda, sinceramente ela entrou como uma das mais bonitas da minha coleção da Editora. A capa possui relevo, brilho, várias ilustrações internas relacionadas com o tema e a anatomia humana, a lateral do livro é vermelha, e a ilustração usada pela editora remete muito ao caderno que a autora tinha com anotações sobre como seria a sua casa funerária inovadora, sonho que a mesma ainda possui. Fiquem com vários detalhes desse livro maravilhoso nas próximas fotos e obrigado por gastarem um tempinho de seus dias aqui clip_image002

DSCN5659DSCN5661DSCN5666DSCN5667DSCN5669DSCN5672DSCN5681DSCN5682DSCN5683DSCN5688DSCN5690
Confissões do Crematório

ISBN-13: 9788594540003
ISBN-10: 8594540000
Ano: 2016 / Páginas: 260
Idioma: português
Editora: DarkSide® Books

avaliação cupcake - Cópia

21 comentários:

  1. Ola
    Nossa, esse livro deve ser muito louco - e no mínimo curioso heim?!. Eu já o conhecia de nome, mas sua resenha é a primeira que leio a respeito e fiquei bem intrigada quanto ao desenvolvimento. Sem contar que essa edição está incrível né? Darkside sempre arrasando em suas publicações ♥
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Eu não fazia ideia que o livro contava fatos reais, e quando descobri aqui mesmo na sua resenha imaginei que não havia como situações ocorridas em um crematório serem interessantes ao ponto de serem lidas, mas pelo que vi em sua narrativa a autora tem uma forma interessante de descrever tais situações que as tornam atraentes para se conhecer. Eu no entanto não sei se arriscaria dar uma chance.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia o livro, mas é sempre bom saber de uma leitura que pretende falar tanto sobre um assunto que todos temem: a morte. É, alguns não temem. Aquele seriado do Falabella, Pé na Cova, é também bastante trágico e cômico, a história de uma família que vive super bem com a morte alheia. Não que tenha algo parecido. Somente me fez lembrar da série. Fiquei curiosa para conhecê-lo. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Oie, tudo bem?
    Tenho bastante curiosidade para o assunto e jamais imaginaria que o livro se trata de situações do dia a dia, achei que era uma ficção de terror, haha. Adorei sua resenha e fiquei super curiosa sobre a obra!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Menina só de ler sua resenha deu frio na espinha, embrolho do estomago, e vontade de ir para debaixo das cobertas (meu um pouco de medo) Por mais que vc diga que a escrita não é tramática. Só por saber que são história baseadas em fatos reais. Me faz descartar qualquer possibilidade, de ler este livro. Infelizmente deixo passar a dica desta vez.

    Abraço

    ResponderExcluir
  6. oi
    Realmente é difícil a gente encontrar pessoas que queiram falar sobre a morte e, sabendo da experiência que a autora teve, isso deve ter tornado o assunto algo mais interessante.
    Parabéns a resenha está maravilhosa.

    ResponderExcluir
  7. Fiquei muito curiosa para ler, pois a rotina de funerária é um assunto que não tenho conhecimento, saber que é rico em detalhes nisso me faz querer ler para aprender mais. Gostei de saber que tem bastante histórias a respeito do tema e que se interligam de alguma forma.

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Nossa, que fotos são essas? Não sabia que a edição do livro era assim!
    Fiquei bem curiosa para conferir o livro, e ainda traz um tema que sempre me despertou curiosidade!
    E nossa, como a edição desse livro está perfeita.
    Uma ótima indicação!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bom?

    Não fazia ideia que a se trata de situações do dia-a-dia, acha que era somente uma ficção. Fiquei muito curiosa para ler, já que é um assunto que eu não tenho muito conhecimento. E o que falar desta edição? Não sabia que era tão linda assim.

    Beijos:*

    ResponderExcluir
  10. Oi.

    Eu já conhecia este livro, porém não li ainda. Já tinha visto algumas fotos dele e a sinopse me deixou bem instigada a comprar. Mas sempre que penso em comprar, a DarkSide lança um outro livro que quero mais, daí vou deixando este para depois. Espero poder comprá-lo até o começo do próximo ano.

    ResponderExcluir
  11. Essa edição é linda mesmo, já dei uma folheada nela e ela é super bem trabalhada.
    Eu não leria o livro apenas pelo tema abordado, não que eu ache a morte tabu nem nada do tipo, mas é algo que não me desperta curiosidade alguma, sabe? Então acho que não seria uma leitura proveitosa para mim.
    Mas é interessante esse lado mais informativo que a história possui.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oiee Sabrina ^^
    Eu já tinha lido algumas resenhas a respeito deste livro, mas mesmo tendo em vista que todo mundo parece gostar muito dele, não tenho vontade de ler no momento...hehe' essa coisa toda de morte não me atrai muito, e eu não sinto que este é o momento certo de lê-lo. Quem sabe um dia... Fico feliz que tenha gostado :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  13. Oiiii,

    A história parece ser realmente interessante, mas admito que tenho um pouquinho de medo, eu me impressiono fácil de mais com as histórias e aí quando o livro tem um tema com morte e tal eu acabo ficando mais impressionada ainda. Mas preciso dizer que essa edição é no mínimo perfeita, toda detalhada e da vontade de ficar só olhando ela por uma vida.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  14. Olá!!
    As edições da Darkside dispensam apresentações e elogios né? Hahaha são todas maravilhosas!
    Já tinha visto a capa desse livro, mas não conhecia o enredo e achei muuuito legal!! Eu sou bem fã desse tipo de assunto, mortes, etc... só consigo imaginar quantas histórias curiosas podem sair de dentro de um crematório!! Hahaha
    Vou procurar para comprar!

    Um beijo
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  15. Oie, desde o lançamento desse livro tenho vontade de lê-lo, pois sou dessas curiosas que gosta de saber dos detalhes e gosto de coisas que questionam, e esse parece ser bem no estilo. Gostei de saber que ele não é uma obra com escrita pesada e tem até seus momentos descontraídos. Já está na minha lista.

    ResponderExcluir
  16. Nossa, que capa lindaaaa! Amei real! Aliás, o livro inteiro parece ser maravilhoso! Esse é com certeza daqueles que com compraria só pela capa e título, sem nem ler sinopse, haha. Adorei a premissa e acho bem relevante que haja uma desconstrução da morte na sociedade. É difícil perder alguém que a gente ama sim, mas temos que aceitar que é um processo natural que todos nós enfrentaremos um dia. Gostei demais, vou acrescentar na lista dos desejados!

    ResponderExcluir
  17. Olá,

    Muitos elogiam essa obra, já cansei de ler resenhas positivas haha. No entanto, acho a ideia desse livro mórbida demais para mim é não é o tipo de leitura que gosto ou costumo fazer, por isso ainda não li. Como o livro é bastante elogiado, quero lê-lo um dia, mas isso so vai acontecer quando eu tiver a procura de um livro que me faça sair da zona de conforto, até lá estarei lendo coisas mais leves.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Oi Sabrina, tudo bem?
    Nossa eu estou mega curiosa para ler esse livro, ainda mais por ter esse assunto tão inovador. Acho a premissa muito interessante e deve ser ótimo acompanhar a autora e conhecer mais um pouco sobre essa função que mal vemos pessoas por aí fazendo né? fiquei bem feliz em ver sua resenha e com certeza lerei o livro.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  19. Suas fotografias são maravilhosas e me deixaram ainda mais curiosa em relação a obra! A Darkside sempre arrasa nas edições, isso é fato. Desejo esse livro desde quando foi lançado e sua resenha só mostrou quão incrível ele é.

    ResponderExcluir
  20. Olá Sabrina
    Quando a Darkside lançou esse livro foi moh frisson e todo mundo falou dele. No entanto não é meu tipo de livro não, é bem morbido e não sei se quero saber como é a vida de uma pessoa que trabalha com isso kkkkk Suas fotos ficaram lindas de "morrer". Dessa vez deixo passar ♥

    Bjos

    ResponderExcluir
  21. Oi
    Que livro interessante. Já li algumas resenhas sobre ele, mas nenhuma tão completa como a sua.
    Gostei muito dos detalhes e gosto dessas coisas de anatomia. Com certeza leria.
    Sem falar que a edição está simplesmente perfeita!
    Amei a dica e as fotos
    Beijinhos
    Rizia Castro - Livroterapias

    ResponderExcluir