Resenha: Marca da Escuridão (Marked # 1) - Sylvia Day

DSCN5547

Skoob – Avaliação: 5/5

Amaldiçoada por Deus, caçada por demônios, desejada por Caim e Abel...
Tudo isso em um dia normal de trabalho...
Anos atrás, Evangeline teve uma incrível noite de amor com um homem misterioso que ela nunca mais conseguiria esquecer. Mas aquele momento de prazer tornou-se um desastre de proporções bíblicas: ela recebera a Marca de Caim.
Empurrada para um mundo em que pecadores são marcados e transformados em assassinos de demônios, ela tem agora Caim como protetor e Abel como seu novo chefe, que também fica loucamente atraído por ela.
Eva torna-se então o novo e explosivo ponto de discórdia, no caso mais antigo de rivalidade entre irmãos...

*Livro de acervo pessoal da blogueira*

Ela era o fruto proibido, planejada para seduzi-lo com aquilo que jamais poderia ter. Bstava provar uma vez e Eva seria sua, mas o preço que ela pagaria destruiria os dois.

Evangeline é uma humana completamente normal, até sua vida cruzar com Alec Caim, um homem que exala perigo por todos seus poros, uma noite incrível bastou para ele estragar todos os outros homens para ela, e deixar um ódio mortal no seu coração por partir logo após tirar sua virgindade.

Quase 10 anos depois ao ir a uma reunião de trabalho ela acaba encontrando um homem parecido com Alec, transando com ele em algum canto escuro do prédio e recebendo algum tipo de queimadura no braço em forma de tribal, algo que debilita sua saúde e lhe deixa sem saber exatamente o que aconteceu.

Mas tudo fica ainda mais louco quando Alec Caim aparece em sua porta se negando à ir embora, exalando mais sensualidade que nunca e falando um momento de loucuras sobre Marcados, Anjos, Deus e Demônios. Ela acaba desmaiando e acordando dias depois, ainda com Alec ao seu lado para explicar tudo.

Eva agora é uma Marcada. Uma pecadora recrutada pelo Altíssimo para trabalhar e assim diminuir sua pena por tais pecados, seu trabalho? Caçar demônios, fadas, lobisomens e qualquer outro ser que Ele ordenar, como é uma iniciante terá Caim como seu mentor, e como uma piada nada engraçada, Abel (também conhecido como o cara do sexo no prédio, o cara que a marcou, o irmão nada querido de Caim) como seu supervisor.

Novos problemas irão surgir a cada passo dessa nova Marcada, como se alguém estivesse usando ela e os irmãos para algo muito maléfico e bem orquestrado. Seria ela capas de se adaptar a essa nova vida cheia de anjos e demônios? Como Caim e Abel vão trabalhar juntos se não se suportam há milênios?

DSCN5548

Alec. Ela queria Alec. E, após uma década de fome, nçao estava disposya a esperar nem um momento para tê-lo.

Não é surpresa pra ninguém que eu amo a escrita da Sylvia, adoro seus livros por irem além de uma escrita erótica, eles possuem história. Essa série Marked estava nos meus desejados há tempos, e graças a uma super promoção comprei os três primeiros livros da série por R$ 24,90 e já não tinha mais desculpas para adiar essa leitura.

No primeiro livro da série somos introduzidos à um Universo onde os humanos coexistem com anjos – ainda que sem saber de sua existência – um mundo completamente igual à nossa realidade, mas com a única diferença é que se você for um pecador, pode ser marcado e recrutado por Deus para servir como um ‘soldado’, ajudando a matar demônios, lobisomens e outros seres mágicos que ‘saem da linha’.

Sim, se você já leu Instrumentos Mortais vai perceber uma semelhança nessa linha do livro, mas acreditem que ela para por aí srrssr. A escrita da Sylvia nesse livro é muito mais madura que em qualquer outro livro dela que já li, focando muito mais na história e todo o seu desdobramento do que na vida sexual dos mocinhos.

Evangeline – ou Eva – é uma mocinha com 28 anos que você consegue gostar desde o primeiro momento, pois ela é decidida, está sempre procurando resposta para as coisas que não entende, e desconfiando de coisas que os outros personagens nem pensam em questionar. Todo esse olhar cético dela com relação à religião e aos Anjos a quais ela não deveria questionar são a chave do livro, e fazem com que a trama flua de uma maneira muito rápida e interessante. Ela não é boba, depois de entender o que é agora e o perigo que corre não age por impulso toda hora (algumas vezes são necessárias, afinal ela ainda possui atitudes humanas cabíveis de falhas) e está disposta a ajudar Caim e Abel no que precisar, da maneira que for preciso.

Você sempre tem uma escolha, mas, às vezes, o caminho pelo qual precisa seguir é obvio. Se seguir o outro, vai precisar encarar as consequências.

Agora vamos falar dos polêmicos irmãos Caim e Abel. Suas histórias não são muito introduzidas nesse primeiro livro, só é nos passado que eles nunca se deram bem e disputam por tudo que outros homens também disputam desde o começo da humanidade. Mas se você leu a bíblica pode deixar tudo que está escrito lá de fora, pois Sylvia brinca com as palavras escritas lá, e também com outras teorias bíblicas como Lilith ter sido a primeira esposa de Adão e outras afins, de modo que Caim mesmo explica para Eva que a maioria das coisas que estão escritas ali são ficção ou não explicam muito bem o que aconteceu. O que posso dizer é que o clima entre eles não é nem um pouco amistoso, nem para salvar Eva já que precisam trabalhar juntos para isso. E pelo rumo que a história tomou essa relação vai ser mais explorada agora no segundo livro da série, e estou completamente curiosa para saber mais desses irmãos que são intensos e possuem um humor completamente diferente um do outro.

Marca da escuridão é um livro muito introdutório à série, mas de maneira alguma isso torna ele maçante ou explicativo demais, vamos aprendendo como as coisas celestiais funcionam pouco a pouco com Eva, teorizando sobre os acontecimentos da narrativa que vão ficando mais misteriosos a cada página e é claro, vamos ficar cada vez mais curiosos para saber mais desse mundo onde pecadores são marcados para de alguma maneira alcançar o perdão pelos seus atos.

Apesar de ser um livro da tia Sylvia Day, rainha diva dos livros eróticos, esse primeiro livro possui poucas cenas de sexo (duas na verdade) de modo que ela foca muito mais na história, mas o clima sensual ainda está ali, impregnado em cada página e em cada pegada que Alec e Eva dão e não conseguem terminar por causa de serem interrompidos ou quando precisam focar nos problemas ao seu redor, que são muito mais importantes que sexo. Apesar de adorar isso eu confesso que queria que Alec e Eva se pegassem mais vezes, e confesso que se fosse eu no lugar dela já estava frustrada por ser interrompida todas as vezes srsrsrs.

Eita resenha grande rsrsrs. Se você chegou aqui acho que já entendeu que esse livro é mais que recomendado por mim. Marca da escuridão é um livro incrível, principalmente se você gosta de histórias cheias de mistérios, uma mocinha decidida, mocinhos apaixonantes (#teamCaim) e uma trama que vai te prender desde a primeira página, te convidando a conhecer cada vez mais esse mundo onde Anjos caçam demônios e marcam pecadores para ajudá-los nas missões dadas por Jeová. Vai terminar esse livro doido para ler o segundo, e como já tenho a série aqui já vou começar logo para não perder o embalo srrss.

Marca da Escuridão

 

ISBN-13: 9788562409356
ISBN-10: 8562409359
Ano: 2015 / Páginas: 280
Idioma: português
Editora: Faro Editorial

 

avaliação cupcake - Cópiachili-1357924_960_720

13 comentários:

  1. Eita!! Achei meio maluco esse livro... rs... Não sei se leria não, pois não gosto muito de livros com essa mistura de tantos elemento.

    Sua resenha como sempre, espetacular.

    ResponderExcluir
  2. Whats? Como assim esse livro é de fantasia, meupaidocéu sempre achei que fosse apenas um NA, isso que dá não ler sinopse e nem resenha dos livros que se deseja comprar, depois de ler suas impressões entrei na maior bad isso porque tive a oportunidade de comprar os livros dessa série baratinhos incontáveis vezes nas promos do submarino e acabei deixando pra lá porque ando meio saturada do NAs da vida, mas se soubesse que a história trás anjos e demônios já teria dado uma chance. Mas não tem problema, o que importa é que agora vou ficar esperta, assim que surgir uma promoção (e que eu tiver uma graninha) vou comprar os meus exemplares.

    ResponderExcluir
  3. Ola
    Confesso que não tive uma experiência muito boa com os livros da autora, por isso tenho certo receio quando vejo algum de seus livros. Fiquei surpresa ao saber que possui poucas cenas de sexo, vindo dela pelo menos né?! Bom, acho interessante que há um foco maior na trama em si, e que ainda assim a atração se faz bem presente. Não sei se leria, mas gostei de ler suas impressões a respeito.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Nossa, que historia! Não tinha parado parado para ler sobre esse livro ainda, mas a capa chamou atenção.
    O mais legal, é o fato de ser totalmente diferente de todos os romances que já li, o tema e o fato de ser um conto.
    Fiquei muito curiosa pra entender melhor essa historia, e ver como ficou, pois se trata de um tema bem forte, onde ela coloca romance, suspense, mistério e ação juntos.

    ResponderExcluir
  5. Oiee Sabrina ^^
    Confesso que não sou muito fã de histórias com anjos, demônios e coisas do tipo (apesar de AMAR Os Instrumentos Mortais), e menos ainda de livros eróticos... Mas eu fiquei realmente curiosa para ler esse! Saber que são só duas cenas quentes me deixou ainda mais animada, acho que vale a pena arriscar, né? hehe' céus *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  6. Oi, Sabrina!
    Da Sylvia só li os três primeiros da série Crossfire. Não sei se lerei os outros, pois fiquei chateada por conter 5 livros ao invés dos 3 iniciais!
    Poucas cenas de sexo?! Chocada com isso! Sylvia adora essas cenas, gente! O casal deve ter ficado frustado muitas vezes durante o livro então. rsrs...
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Adoro a Sylvia também , desde a série Crossfire!

    Da série Marked só li esse primeiro livro, confesso que no começo não gostei muito mas depois no desenrolar da história fui curtindo mais o enredo, acredito que seja por conta do que você explicou, por esse ser a introdução da história e um enredo bem diferente, adorei a comparação com Instrumentos mortais pq de fato é bem parecido!

    Adorei sua resenha!

    Beijos
    Jess
    www.pintandoasletras.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    comprei os dois primeiros volumes em uma oferta da Amazon, em ebook. Estou super curiosa. Mas não sabia do que se tratava ao certo e nem se gostaria da Sylvia escrevendo desta forma. Achei legal saber que pode se comparar a Instrumentos Mortais.
    Pretendo ler em breve, fiquei bem feliz agora em saber que valeu o gasto.
    Beijos
    Meus livros a Venda

    ResponderExcluir
  9. Oei!
    Eu comprei esse livro, mas ainda não coloquei na pilha para ler. Mas já vi que vou gostar, mesmo me decepcionando com os últimos que li da autora. Não que a narrativa não seja boa, mas sabe quando a história não te conquista? quem sabe esse livro faça eu mudar de opinião.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  10. Acredita que eu não conhecia essa série de livros até bem pouco tempo? Eu conheço ele pelos livros eróticos, não sabia que ela escrevia fantasia. Gostei também desse lance de Caim e Abel... deve ser interessante essa desconstrução que a autora fez. Não é um leitura prioritária, mas gostaria de fazê-la.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Conheço a escrita a Sylvia Day por ter lido a série do Crossfire. E gostei bastante da escrita dela.
    Ainda não conhecia essa série, não sabia que se tratava desse tema de caçar demônios em geral. Até o nome "Eva" é bem sugestivo a Bíblia, sabendo do que se trata...
    Enfim, a dica está mais do que anotada, principalmente por saber que esse não foca só no tema erótico e por saber que você gostou tanto da leitura. =D

    ResponderExcluir
  12. Oi! Que premissa mais maluca! Fantasia com erótico, Caim e Abel! Haha. Eu já li coisas da Sylvia antes, mas não aguentei muito não. O estilo dela não casou com o meu, mas que bom que você gostou! É ótimo quando a gente se apaixona por um autor que está em atividade constante ainda.

    ResponderExcluir
  13. Olá,
    Sou doida para fazer a leitura dessa série!! Ainda não tive nenhum contato com a escrita da Sylvia, mas fico muito feliz pela sua resenha positiva. Também adquiri os três primeiros volumes em uma promoção e acho que paguei o mesmo preço que você.
    Essas capas são maravilhosas! Quero muito saber como Evangeline irá se sair nessa nova realidade, que parece ser extremamente perigosa.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir