Resenha: Minha Julieta (Starcrossed # 2) - Leisa Rayven

resenha minha julieta  (1)

Skoob – Avaliação: 4/5

Alguns amores nunca te deixam ir...
Cassie jurou que nunca iria perdoar Ethan por quebrar o coração dela, quando eles estavam juntos anos atrás. Ele era seu grande amor, e quando ele se recusou a amá-la de volta, uma parte dela morreu para sempre... ou assim ela pensou. Agora ela e Ethan estão compartilhando um palco da Broadway, e ele está determinado a reconquistá-la. Finalmente ele é capaz de dizer todas as coisas que ela precisava ouvir... mas ela pode acreditar nele? Será que ele realmente mudou, e o que faz com que esta mudança seja diferente de todas as suas outras promessas não cumpridas?
A resposta está em algum lugar do passado, e agora a verdade virá à luz. Cassie voltará a confiar da maneira como ela era antes com Ethan? Ou é tarde demais para estes amantes estrela-cruzados?
Não perca este final hipnotizante da continuação de 'Meu Romeu', a história de amor inesquecível, que capturou os corações de mais de dois milhões de fãs online.

*E-book de acervo pessoal da blogueira*

Confira a resenha do livro anterior, Meu Romeu

Resenha Meu Romeu

Esse homem significa tanta coisa para mim. Ele foi meu primeiro amigo de verdade. Meu primeiro amor. Primeiro amante. Me deu mais prazer do que eu podia imaginar, e é o arquiteto de uma dor que jamais pensei ser capaz de suportar.

Ano passado fiz a leitura de Meu Romeu, mas acabei esperando tempo demais para ler a continuação Minha Julieta, pois o livro nunca entrava na promoção e a crise ta feia hahahah. Mas eis que a Amazon fez aquela promoção marota de ganhar 5 reais para comprar um e-book e é claro que eu logo comprei Minha Julieta, e fui correndo lê-lo.

No início da leitura confesso que não lembrava muita coisa, mas a autoa consegue te situar bem na história sem rodeios e repetições, os problemas do passado são altamente levantados e você volta a entender rápido o que está acontecendo ali, e para os que estão lendo logo após o término do primeiro acaba que essa informação é só mais uma maneira de ressaltar a trama do livro.

Pois bem, depois daquele imenso e-mail de Etan Holt pedindo perdão a Cassie ficamos um pouco abalados sobre odiar ou não o rapaz, afinal parece que ele sofreu um bocado para se reconstruir, e é sobre isso que o livro vai tratar, de como às vezes a pessoa está tão quebrada que mesmo se esforçando para não ser fechado e pessimista não consegue, é necessário muito mais que somente a sua força de vontade, é necessário muita ajuda médica e falar sobre seus problemas abertamente com alguém que consegue entende-los e vai lhe ajudar a achar o significado de todos eles. 

Você não entende, não é? Talvez ache que não vai acontecer com você, porque você é diferente ou especial, e talvez esteja certa. Mas não é esse o problema. Talvez você seja diferente, mas ele não é, e é ele quem vai destruí-la. Vá devagar. Esse cara é um desastre.

No mesmo clima do livro anterior de alternar entre passado e presente vemos o que foi que Ethan Holt fez para quebrar o coração de Cassie (duas vezes) e a deixar tão amargurada e com um ódio mortal dele. A passagem de tempo na Academia Grove de Artes Dramáticas é bem mais rápida e adorei isso na escrita desse livro, não era mesmo necessário a autora ficar remoendo o mesmo sentimento durante páginas e páginas, e a escolha dela de pular alguns momentos foi mais do que brilhante.

Vemos um Ethan nas lembranças de Cassie completamente autodestrutivo, que ao mesmo tempo que tentava ser alguém melhor para ela, não conseguia deixar todas as suas nóias do passado para trás, sua insegurança e falta de confiança não eram por ele ser um chato sistemático, mas tinham a ver muito com o que ele passou durante toda sua infância e adolescencia, problemas que ficaram mal resolvidos e que interferiam em que ele era o tempo todo.

Cassie continua a mesma mocinha legal que eu gostei no primeiro livro, sempre correndo atrás do que quer e nunca se deixando abalar quando Holt sobe seus muros. Depois de ter seu coração quebrado ela está bem mais fechada e tentando não deixar que ele penetre os muros que ela levantou, mas uma coisa acontece na história e sua personalidade muda completamente, para alguém muito mais confiante do que já era, para alguém que sabe o que quer e sabe como conseguir, sem deixar que o mal humor de Ethan estrague tudo ao seu redor.

Ver tão abertamente como o relacionamento deles foi no passado nos faz entender o porque que ela se tornou alguém tão fechada, tão machucada e principalmente ver seus motivos para não acreditar prontamente nas mudanças que Ethan trás consigo agora já adulto. É claro que pouco a pouco as barreiras vão se quebrando (já no presente), mas a autora consegue mostrar muito nesses dois personagens que mudar é possível sim, mas não acontece em um passe de mágica, e o perdão é algo difícil de se conquistar quando você já o concedeu e a pessoa te decepcionou mais uma vez.

Sei que você acha que esteve fechada por tanto tempo que não sabe como despertar. Que todos esses sentimentos confusos que eu trago à tona te fazem desejar nunca ter me conhecido. (...) Era assim que eu costumava me sentir. Quando nosso namoro começou a ficar sério, tudo que eu sentia era grande demais. Não ajudava nada ter uma voz paranoica dentro de mim sussurrando que você ia me destruir. Tenho certeza de que na sua cabeça há uma voz dizendo a mesma coisa.

Lisa soube mostrar que o passado pode influenciar muito nas nossas vidas, e até mesmo coisas ‘banais’ como a separação dos pais podem deixar marcas na sua alma e você usar essas sequelas em seus relacionamentos sem perceber. Fora que eu gostei muito mesmo que ela mostrou que amor e sexo não curam as mazelas do mundo, não salvam um relacionamento, não fazem uma pessoa mudar, é preciso ajuda médica SIM, e quanto mais autoras brilhantes colocarem isso em suas histórias tenho certeza que mais garotas e garotos vão entender que a culpa de não ter conseguido ‘mudar’ aquela pessoa não foi falta de amor e sim algo que estava além de seu alcanse e só o outro poderia buscar essa mudança.

Mesmo lendo em e-book tenho que comentar que a edição da Globo Alt é linda, eu amo essas capas diferentes das originais, elas são perfeitas para a personalidade do casal e se encaixam com várias cenas épicas que tem na história. No arquivo achei alguns pequenos erros só de formatação, mas nada que atrapalhasse minha leitura, e se possui algum erro de revisão ortográfica não encontrei.

Resultado de imagem para bad romeo

—Antes eu achava que podia ser o que você precisava. Mas achar e saber são duas coisas diferentes. Agora eu sei. Me deixa provar que posso amá-la do jeito que você merece.

Eu gostei muito dessa conclusão, a leitura é completamente fluída e quanto mais eu lia mais sentia uma dorzinha por tudo que aconteceu na vida desses personagens, e torcia para que eles conseguissem seguir em frente, um passo de cada vez, pois eram amantes destinados a ficar juntos desde a primeira vez que se conheceram. Se você gosta de um NA com uma temática bem diferente, que mostra como funciona uma Academia de Artes Dramáticas e que possue temáticas bem reais tenho certeza que vai gostar de Meu Romeu e Minha Julieta.

Agora é conferir a história da irmã de Ethan, Elisssa, e ver o que essa guria sofreu também, porque pelo jeito todo esse passado da família de Ethan não deixou marcas somente nele.

Não importa o quanto eu queira negar a verdade, fica cada dia mais óbvio que ele é como alguém que se afoga agarrado a uma jangada que afunda.

Acha que é o único que tem medo de deixar que os outros o vejam como realmente é? Todo mundo usa máscaras metafóricas a vida toda. Todos nós temos diferentes faces que mostramos aos nossos colegas de trabalho, ou amigos, ou família. Às vezes usamos tantas máscaras que esquecemos quem somos por trás delas, mas é preciso encontrar coragem para abandonar toda essa enganação e revelar seu eu verdadeiro. É só isso que eu eu quero que faça. É só isso que eu sempre quis.

Você quer que eu diga? Sim, eu amo você. Mas você não faz ideia de quantas vezes quis não amar. —Amar você —diz Ethan —é a coisa mais idiota e egoísta que já fiz, mas não consigo parar. Deus sabe que tentei.

Como ele pode achar que não podemos resolver tudo o que há entre nós, se juntos somos assim? Isso é maior do que o medo. Mais importante do que a dúvida.

Somos duas perfeitas caracterizações, impecáveis em nossa negação.

—Está sentindo? —sussurra ele. —É isso que nos faz voltar, apesar de tudo o que passamos. É por isso que eu precisava mudar, e é por isso que, apesar de tudo o que fiz para te machucar, você não consegue ir embora. A forma como nos afogamos um no outro. A forma como não consigo distinguir a batida do meu coração da batida do seu. Temos esse ritmo perfeito, onde quer que nos encontremos, e essa é a nossa essência. Não é só sexo. É isso.

Ethan acha que posso voltar a ser quem era depois disso? Impossível. O estrago está feito. Ele envenenou a mulher que eu era. Muito depois de ele ter ido embora, ainda estarei envenenada.

Minha Julieta

 

ISBN-13: 9788525060426
ISBN-10: 8525060429
Ano: 2015 / Páginas: 352
Idioma: português
Editora: Globo Alt

Compre: Amazon | E-book  | Americanas

 

avaliação cupcake - Cópia

14 comentários:

  1. Olá Sabrina,
    Não li ainda Meu Romeu e Minha Julieta. Achei a premissa bem legal, sobre superar seus traumas, entender os defeitos do outro e principalmente perdoar os erros do parceiro. Também gostei porque envolve teatro, peças teatrais me interessam muito!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Sabrina, eu estou doida para poder ler "Meu Romeu", a história parece ser tão fascinante e envolvente, e "Minha Julieta" não poderia ser diferente. Gosto tanto de livros que alternam entre o passado e o presente, e esse Ethan parece ser aquele personagem colírio para os olhos de qualquer leitora kk. Estou muito ansiosa para poder começar à ler essa série. E eu espero de coração que a Cassie perdoa o Ethan, mas espero mais ainda que eles não fiquem juntos.

    ResponderExcluir
  3. Sabrina!
    Sempre leio bons comentários sobre os livros da série, embora ainda não tenha lido.
    E gosto do artifício de passado e presente usado pela autora e também pelo que entendi, as personagens amadureceram e vão encarar seus problemas e amores de frente, bacana.
    “Saber de cor não é saber: é conservar aquilo que se deu a guardar à memória.” (Michel de Montaigne)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Oi Sabrina!!!!
    Ai não li Meu Romeu mas realmente estou louca para ler de tantas resenhas positivas a respeito e curto um bom romance quente e cheio de confusões, só digo que logo irei ler e quero conhecer esse casal.
    Até mais!!!

    ResponderExcluir
  5. Sabrina,
    Quando os autores, em um livro novo, voltam a explicar o que aconteceu no anterior é tudo de bom. Muitas vezes vc realmente esquece, leu já faz muito tempo, lotou a cabeça com livros novos etc e é impossível ficar guardando todos os aconteceimentos. Então é super útil quando autores dão essa recapitulada e clareiam sua memória!!
    Bom, não li a série pois não sei se é algo que eu gostaria muito, já que sou mais chegada em livros com uma pitada de magia/fantasia/sobrenatural.

    BJS

    ResponderExcluir
  6. OI Sabrina.
    Eu ainda não li Meu Romeu, mas nem por isso ele não é meu amorzinho.
    Estrou muito ansiosa para conhecer os personagens e gostei de saber que a leitura é fluída, já que esse é um dos meus maires medos ao conhecer novos autores.
    Fiquei impressionada com o que descreveu na resenha, principalmente no sentido de que a autora deixou claro que sexo não cura relacionamentos e muito mais, adorei.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Sabrina!!
    Que livro lindo, amo a história de Romeu e Julieta, é uma história de amor igual nunca teve, e talvez nunca terá... Gostei muito de Meu Romeu e Minha Julieta, quero poder ler um dia!!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Hey, Sabrina! Apesar dos seus comentários (em especial aquele sobre a autora mostrar que amor e sexo não curam, nem salvam) me chamarem atenção para o enredo, eu não tenho vontade de ler os livros não... Minha amiga está lendo Meu Romeu e, segundo ela, adorando. Que bom que gostou da obra e espero que goste dos próximos volumes tanto quanto desse ❤

    Abs!

    ResponderExcluir
  9. Ainda não li, mais que historia intensa, hein?
    Gostei bastante dos personagens e suas personalidade marcante, mas principalmente de Cassie por ser pessoa muito legal e não é facil ter coração destruído. Eu queria muito saber se você pode passar dicas de como ler, porque apesar que livro muito neste estilo de livro, sinto que ainda tenho dificuldade por conta de distração. E notei que você leu no tablet

    ResponderExcluir
  10. Olá Sabrina!
    Eu ainda não conhecia Meu Romeu e Minha Julieta, e embora não seja fã de livros onde em cada um temos a visão de um dos protagonistas da trama, esse me chamou muita atenção, pela autora ter abordado problemas sérios e super relevantes. Também gostei do cenário ser uma academia de Artes Dramáticas, o que é bastante diferente de tudo que já li.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Amei as outras capas *_* são lindas
    Vejo tantos comentários que estou louca para ler a série. Estou curiosa para saber o que fez ela se fechar e não acreditar na mudança dele. Vou ficar esperta nos ebooks da amazon

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li esses livro, mas só pelo título fazer referência a Romeu e Julieta já quero ler, a história parece ser bem intensa e amo quando o romance tem seus altos e baixos, a capa dos ebooks achei lindas, mas continuo preferindo a dos livros físicos, e espero poder lê-los o mais rápido possível.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Oii! Ahhh essa promoção da Amazon ♥ dia desses "comprei" um que tava gratuito, ganhei o cupom e comprei mais dois que estavam super baratinhos haha
    Adoro quando os autores nos situam nas continuações porque nem sempre podemos ler um atrás do outro, né?
    Não conhecia as capas originais, elas também são bem bonitas mas acho que as "nossas" são melhores heheh
    Eu só tenho Meu Romeu mas ainda não li. Uma amiga super me indicou ele! Gosto dessas histórias que ficam mal resolvidas em uma época da vida dos personagens e depois eles se reencontram e tal

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oi, Sabrina!!
    Adorei a resenha, mas infelizmente ainda não li Meu Romeu e Minha Julieta. Mais sem dúvida quero muito ler por ter uma história bem legal.
    Beijoss

    ResponderExcluir