Deep (Stage Dive # 4) - Kylie Scott

20561030_1SZ

Skoob – Avaliação: 4/5

A série mais sexy dos últimos tempos chega ao final... Positivo. Com aquelas duas linhas do teste de gravidez, tudo na vida de Lizzy Rollins, uma simples estudante de Psicologia, estava prestes a mudar para sempre. E tudo por causa de um grande erro em Las Vegas, cometido com Ben Nicholson, o irresistível baixista da banda Stage Dive. E daí que Ben é o único homem que fez Lizzy se sentir completamente segura, adorada e descontrolada de desejo ao mesmo tempo? A universitária sabe que o lindo astro do rock não quer nada além de um pouco de diversão, ainda que ela mesma busque justamente o contrário. Por outro lado, Ben sabe que Lizzy está em zona proibida. Totalmente. Ela é a nova cunhadinha do seu melhor amigo, e pouco importa o quanto a química entre ambos seja fenomenal, não importa o quão sexy e doce ela seja: o baixista não vai tomar nenhuma atitude. No entanto, quando Ben precisa mantê-la longe de problemas na Cidade dos Pecados, ele rapidamente descobre que o que acontece em Vegas nem sempre fica em Vegas. A partir daquele momento,Ben e Lizzy estarão ligados do modo mais profundo que existe... mas será que isso os fará ligar seus corações?

*Livro de acervo pessoal da blogueira*

Não  podia  ser  saudável,  mas tenho  quase  certeza  de  que  meu  coração  quase  parou. Graças  à  presença  dele,  cada  centímetro  meu  vibrava com  um  tipo  de  tensão  sensual  desvairada  e  excessiva. Nunca antes a visão de um homem por si só me deixou tão maluquinha.
Eu não conseguia desviar o olhar.

Quando comecei esse livro meus sentimentos estavam um tanto quanto desligados, confesso. Nos últimos três livros Ben foi um personagem muito secundário, aparecendo várias vezes é claro, mas nada se destacava em sua personalidade que me fizesse querer muito um livro dele, então comecei aqui com minhas expectativas nulas.

Ben é um cara simples, que se envolve com várias mulheres como todo Rockstar, mas que é muito ‘na dele’. Enquanto os outros caras aproveitam as folgas para ficar com suas parceiras ou curtir em festas, ele viaja para tocar com outras bandas, conhecer novos músicos, ou seja, investir em sua carreira. Ele na Stage Dive é aquele que mantém a banda unida e organizada, que faz tudo acontecer, e por isso namorar nunca foi uma opção.

Nossa protagonista feminina aqui é Lizzy, sim, a irmã mais nova de Anne que é a parceira de Mal (Play – livro 2). Ela é a caçula de apenas 22 anos a qual Anne fez de tudo para ajudá-la para que conseguisse viver na normalidade, ter roupa, comida, um teto e um estudo decente, e graças a irmã ela está na faculdade hoje cursando Psicologia. Mas quando ela vê Ben pela primeira vez uma química acontece entre eles, e logo estão trocando mensagens e olhares discretos, afinal ela é território proibido, a protegida de Anne e Mal. Mas essa química só vai ficando mais forte, até que eles cedem a ela em uma noite em Vegas, e com isso Lizzy acaba grávida.

O livro já começa com essa bomba. Uma noite, um erro e um jantar louco com todos da banda onde ela é pressionada a contar a verdade a Ben, e é claro ele não reage caindo aos seus pés de agradecimento por ter concebido um filho, pelo contrário, sua reação é bem negativa. Não que ela esperasse algo bom, mas esse jantar já lhe dá uma perspectiva de como será sua gravidez e sua vida: sem o apoio de Ben e nada de ‘pai do ano’ pra ele.

Qualquer que  fosse  aquela  emoção,  eu  o  desejava  mais  do  que desejei qualquer outra coisa.

Eu já sabia que no fim iria gostar desse livro, mesmo sem expectativas, pois sei que a escrita de Kylie é leve e consegue me prender nas páginas, mas não esperava gostar pelos motivos que regem mais de 70% do livro: a realidade de uma gravidez indesejada. Sim, eu adorei o livro por isso, por mais triste que seja a autora conseguiu colocar uma dose de realidade bem grande na história de Lizzy e Ben. Ele não queria abandonar sua carreira, não queria um relacionamento, não queria um filho ou qualquer outra preocupação que o impedisse de se dedicar 100% à música; Ela não queria um filho aos seus 22 anos quando nem terminou a faculdade, mas o teria mesmo assim e estava disposta a o criar sozinha, dedicar sua vida àquela criança sem precisar do apoio do pai.

Nesse relacionamento tempestuoso onde Lizzy tem sentimentos por Ben que sabe que não serão correspondidos, pois ele sempre se afasta quando as coisas começam a caminhar entre os dois, o livro é regido. Não digo que achei certo o comportamento de Ben em mais da metade do livro, apoiando a gravidez de Lizzy em pedaços, sendo ausente e não querendo se comprometer, mas é a triste realidade no nosso mundo que acontece com a maioria das mulheres, e por isso Lizzy é a grande estrela desse livro, pois ela está disposta a tudo para cuidar daquela criança e se Ben não vier junto com o pacote paciência, isso não vai afetar o amor que ela já sente pelo filho.

É claro que um romance vai se desenvolvendo no decorrer e culmina no final do livro, mas toda essa jornada de vermos alguém aceitar que sua vida agora deve mudar e se abrir para o amor (que é obvio que ele já sente por Lizzy desde a primeira página) é gratificante. O toque de realidade da autora me fez gostar mais deste livro que de todos os outros da série (talvez Lead fique em segundo, Mal em terceiro e Lick em quarto) e com isso devorar mais uma vez a história em poucas horas – mesmo morrendo de gripe –. E a sensualidade presente na história vai te deixar com um calor do caralh*, porque sim, mesmo Ben sendo um babaca na maioria do tempo quando esse homem faz sexo é para abalar o concreto da cidade toda, e já estou estudando a possibilidade de meu marido deixar a barba crescer kkkkkkk.

Outro ponto que me fez apaixonar por esse livro é a presença de Anne e Mal constantemente, adorei ver o instinto de protetor de Mal com a Lizzy, por mais louco que nosso baterista seja ele tem o coração muito bom, e o casal serviu muito de apoio para a menina que estava bem perdida nessa situação louca que se meteu. Temos alguns acontecimentos envolvendo Jimmy e Lena também no livro, mas Eve e David ficaram bem esquecidos – principalmente David que quase não aparece.

Deep é um livro muito bom, que foge do clichê de que quando uma menina engravida de um Rockstar tudo são flores e ele logo cai de amores por ela. Adorei poder rever personagens tão queridos e finalmente conhecer melhor o baixista da Stage Dive que sempre esteve em segundo plano nos outros livros. Infelizmente esse foi o último livro da série, achei o fechamento desta muito bom para todos os casais, mas é claro que como uma fã da série queria ter tido um pouquinho mais de tempo com Eve e David, e talvez mais algumas cenas de Lena e Jimmy, mas vou ser boazinha e me contentar com os quatro livros que foram incrivelmente satisfatórios.

Se você gosta de histórias de Rockstars, com uma dose bem alta de erotismo e sensualidade, mocinhas incríveis e enredos que fogem do clichê vale muito a pena investir na Stage Dive, a cada livro você terá uma emoção diferente, e assim que terminar já vai ficar morrendo de saudade desses personagens que entram tão fácil em nossos corações.

Amor e esperança resultavam em dor. Eles fodiam com você e te deixavam sem nada.

Deep

 

ISBN-13: 9788550300870
ISBN-10: 855030087X
Ano: 2017 / Páginas: 320
Idioma: português
Editora: Universo dos Livros

Compre: Amazon | E-book | Americanas | Saraiva | Submarino

 

avaliação cupcake - Cópia

12 comentários:

  1. Oi Sabrina,como gosto de romance,música ,um bom enredo com cenas de nos deixar"com um calor do caralh*",não tem como não desejar ler todos esses livros e conhecer seus personagens.Rsrs
    Assim como também gostei de saber que o personagem Ben,está dentro da realidade...
    Não são todos os caras que caem de amores,sabendo que engravidou alguém.
    Mas o bom,é que pelo jeito ele vai amadurecendo aos poucos.

    Gostei! :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Sabrina,
    Adorei o enredo desse livro. Uma gravidez indesejada em que a Lizzy vai batalhar muito, independente do apoio de Ben. Afinal nem sempre o cara vira um paizão a partir do momento que descobre a gravidez, ainda mais um rockstar que não estava afim de um relacionamento sério.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Para quem gosta do gênero hot, esse livro é uma boa pedida. Já tinha visto outras resenhas por ai sobre essa serie de livros. A vida de Lizzy agora terá uma mudança geral. Mas interessante na serie de livro e intensidade que os personagens são, principalmente Ben, mas agora com essa surpresa na vida dele, ele deve mudar bastante sua maneira de ver as coisas

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito da resenha, essa é a primeira que leio do livro, já tinha lido dos outros, gostei desse toque de realidade né, engravidar e ser rejeitada pelo pai da criança, Lizzy com toda certeza é uma guerreira, estou curiosa para conhece-la.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  5. Oi Sabrina!
    Eu ainda não conhecia os livros, mas estou adorando suas resenhas e estou cada vez mais empolgada para começar a lê-los! Lizzy está mesmo em uma situação difícil, e Ben também deve estar bastante confuso. Mas que bom que no final tudo deu certo! É tão bom finalizar uma série literária, mesmo quando ficamos com gostinho de quero mais!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia ainda os livros, achei muito bom...Ótima resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Sabrina!
    Gosto sim de histórias que tem Rockstars em evidência e gostei mais ainda por ver que a autora inseriu uma realidade bem próxima ao cotidiano de muitas adolescentes que engravidam em uma fase complicada e que o pai não quer a criança, torna o enredo mais crível.
    Preciso ler.
    “O saber é saber que nada se sabe. Este é a definição do verdadeiro conhecimento.” (Confúcio)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito da sua resenha, estou doida pra ler essa série, falam muito bemd ela, eu achei otimo da parte da lizzy que apesar de o Ben não estar do lado dela, ela não desistiu de querer o filho, e achei bem maduro da parte dela, pois muitas no lugar fariam completamente ao contrario, e sinceramente n tem como n se apaixonar por essa maturidade toda né, super concordo com o Ben de cair de amores por ela, e tem sempre aquele boy da irmã que acha que é pai e quer proteger kkkk super fofo !!! quero muito ler a série e espero q eu goste tnt como vs.

    ResponderExcluir
  10. Essa de gravidez não planejada ser o foco do livro pode ser um tiro no pé. Ainda bem que a Killie conseguiu trabalhar bem o tema. Amo romances de banda e quero muito ler essa série

    ResponderExcluir
  11. Oi, Sabrina!!
    Adorei conhecer essa série!! Não gostei muito das atitudes do protagonista mesmo assim quero muito ler essa série.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  12. Não gosto muito do gênero e a história também não me chamou tanta a atenção. Sei que sem essa gravidez indesejada não haveria história, mas não gostei deste fato, sei essa história pode muito bem representar a realidade, mas sei lá. Porém eu gostei da protagonista, ela sendo forte, querendo cuidar da criança, mas no fim, por ela ficar com o pai de seu filho, tudo perde o sentido, não, teria que entender os detalhes deste romance para quem sabe gostar o tanto que você gostou. Ótima resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir