Elle - Jack Rock#1– Aretha V Guedes

DSCN3460

Skoob – Avaliação: 5/5

Aos 14 anos, Elle tinha uma vida perfeita, com pais amorosos, lar feliz e seu vizinho e melhor amigo, Chris, por perto. Porém, em uma noite fria, seu amigo vai embora em busca de seu grande sonho: se tornar uma estrela do rock.
Quatro anos depois, quando uma tragédia os reúne, Chris, agora guitarrista da famosa banda Jack Rock, vai ao resgate de sua amiga de infância, que está crescida e não quer mais ser protegida.
Conseguirá a amizade de infância resistir à vida adulta, ou a busca de Elle pela independência a levará para outros caminhos?

* livro adquirido pela blogueira *

Confira a resenha dos outros livros da série.

ElleElleElle

Sim, eu prometo solenemente que um dia quando ambos estivermos podres de ricos vamos comprar casas vizinhas. Moraremos um ao lado do outro até que a morte nos separe, amém!

Helena (ou Elle) é uma garota que perdeu tudo em pouco tempo, e agora está sozinha no mundo, literalmente. Quando pequena, tinha Chris como quase seu irmão, mas por causa da vida rígida que seu pai impunha ele foi embora, para trabalhar com sua música. Ele nunca voltou para a sua vida nesses quatro anos, com medo do pai, mas essa tragédia o forçou a isso, e ele levará Elle junto com ele, custe o que custar.

Elle ama seu amigo Chris, mas mesmo estando sozinha no mundo ela não quer ser sustentada, paparicada ou mantida por ninguém, pois ela nunca foi um pássaro que pudesse ser domesticado, com um espírito livre e rebelde ela aceita ajuda de John, o vocalista da banda Jack Rock, a qual seu amigo é guitarrista. Ela trabalhará para ele como sua assistente pessoal, e assim poderá viver com o que ganha, e não com a bondade dos outros. O único problema é que John é o mal caminho em pessoa: sexy, mulherengo, e com um charme que é quase impossível resistir, será que ela conseguirá ficar perto do seu novo chefe sem se envolver com ele e acabar gerando a maior confusão na banda?

A doida dos rock star voltou, e agora com uma indicação maravilhosa!

Um belo dia a tarde vi a divulgação dessa série, e como vocês sabem da minha fama de apaixonada por bandas acabei comprando o livro da Aretha para conferir o primeiro livro. Eis que para a minha surpresa depois de duas horas eu já havia terminado a leitura, e estava implorando pelo segundo livro.

Vocês me mostraram que existia amor, beleza e poesia no mundo. Que a vida podia ser divertida. Sem o esconderijo secreto e os seus esquemas malucos para que eu pudesse ter aulas de violão, jamais saberia diferenciar as notas musicais. Você me fez o homem que sou hoje, Elle.

O primeiro livro: Elle, possui uma protagonista pra lá de forte. Ela é teimosa, decidida e possui uma língua afiada, não levando desaforo pra casa. Sua devoção a Chris por toda história que possuíram é incrível, e eu fiquei invejando ela o tempo todo por ter alguém que a ama tanto e não perceber o tamanho desse amor.

John por outro lado é o bady boy, mas ele me ganhou por não ser tão explosivo. É claro que ele tem sua cota de bi-polar na história, mas eu entendi bem os seus motivos que estar apaixonado por Elle e querer se afastar: Chris, ele sabe que seu melhor amigo ama a garota, e se envolver com ela pode destruir a amizade de ambos, mas o sentimento dele por ela é mais forte que a sua vontade de fazer o que é certo.

Os personagens secundários desse livro são incríveis também, e não vejo a hora de ler um livro de cada um deles. A que mais me chamou atenção ali vou Kim, a garota da banda, principalmente por ela ser tão descolada e diferente do resto da sua família. E por falar nisso, gente a #NiCadela é terrível hahahah! A assistente da banda (e filha do chefe) é aquelas patricinhas de marca maior, vulgar e metida até não dar mais, e o pior, ela fala tudo com hastags #fui #alouca #vaca.

A trama do livro é muito bem desenvolvida, não pense que por ser um livro de banda é cheio de sexo e vulgaridades, pelo contrário, há uma pegação ali, um beijo mais quente aqui, mas não passa disso, afinal a história é mais do que um simples amor NA surgindo entre dois personagens, é sobre o crescimento de uma garota que perdeu tudo, sobre como um amor de amigo pode se transformar em algo mais, e como um amor também pode destruir uma amizade de anos, quando o que a terceira pessoa sente não é retribuído.

Nunca me senti tão desejada em minha vida. Beijá-lo era como ter eletricidade impulsionada em meu corpo. Cada parte de mim era consciente de seu toque. E ansiava por mais.

Apesar de não ser fã de triângulos amorosos esse daqui me pegou de jeito. Confesso que o livro inteiro não sabia pra quem torcer. Chris é o protetor, o amigo de infância, aquele que não hesitou nem um pouco em ajudar Elle quando ela precisou, mas ao mesmo tempo seu amor acho que sufoca um pouco ela, pois ele sente algo além do que ela está preparada para sentir, e acaba amando demais pelos dois. Já John, ele é o bady boy misterioso, não é dito muito do seu passado, e pelas poucas conversas que tem com a protagonista percebemos que ele não é como a mídia diz, e imagino o quanto deve o machucar ser classificado como mulherengo, libertino por pessoas que ele se importa.

O livro é em formato e-book kindle, mas a formatação está perfeita. A capa combinando perfeitamente com o tema da série é muito bem trabalhada e com uma fonte agradável, não achei nenhum erro de ortografia na história e a divisão dentro do capítulo é feita com ícones muito bonitinhos, que deu um charme a mais no livro. As músicas em inglês possuem a tradução no final, e isso não atrapalhou a minha leitura.

Elle tem tudo para conquistar os fãs de um bom romance, e principalmente os fãs de Rock Stars. Espero ter a oportunidade em breve de ler o segundo livro e matar esse bichinho da curiosidade que se implantou em minha mente, pois o livro termina em um ponto que é preciso desesperadamente ler o segundo. Aretha com certeza está de parabéns pela história que criou, ouso dizer que é melhor que outros dois livros do gênero hiperfamosos que li a pouco tempo, me dando tudo que preciso para me apaixonar pela série, e não forçar a barra em nenhum lado na história.

Por fim, fica a dica: leiam! Tenho certeza que vão adorar essa banda, e vão se ver desesperados pelos próximos livros assim como eu.

John era o melhor amigo que o Chris tinha na banda, mas enquanto este possuía um brilho natural que iluminava todos ao redor, John exalava mistério. Eles eram uma dicotomia, luz e escuridão.

avaliação cupcake - Cópia

24 comentários:

  1. O que dizer desta resenha maravilhosa? Eu amei! Muito linda e perfeita. Ansiosa para saber o que você vai achar da trilogia completa. Obrigada e seja bem vinda à Jack Rock.

    ResponderExcluir
  2. Eu não conhecia esse livro, mas fiquei bem curiosa sobre o enredo, e adorei saber mais sobre a temática. Eu também não sou fã de triângulos amorosos, mas esse parece ser interessante. Vou procurar mais informações para adquirir esse ebook.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Vixi, deu pra ver que é caso de triângulo amoroso ne? Esses personagens nunca aprendem que a paixão fala mais alto kkk adoro ver isso acontecendo. Percebi mesmo que você gosta dessas leituras com música hein.. Espero que não seja tao maçante quando foi aquela leitura que você trouxe pra gente.

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não conhecia o livro e fiquei interessada no romance com essa pega da de musica. Não curto rock, mas curto livros que abordem o universo musical de alguma forma e acho que vou curtir bastante este aqui!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Sabrina amo livros com bandas de Rock, como ainda não vi esse amei essa premissa e olha que não gosto de triângulos mas sua resenha me deixou mega curiosa com relação a toda história. Amei a capa e já estou correndo para Amazon para comprar. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Sabe que eu nunca li nada sobre rock stars? Tenho que fazer uma tentativa. A verdade é que não sou muito ligada em música, só escuto em momentos muito específicos.
    Já gostei da Elle, adoro personagens decididas e de personalidade forte, mas já detestei John. Ok, ok, vc falou que entendeu os motivos dele, mas eu já senti raiva dele se meter entre ela e Chris.
    Vou dar uma olhada no preço do ebook.
    E eu ri desse #NiCadela! Hahahah

    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Adorei a resenha e a premissa do livro!
    Gostei também de saber que, apesar de ser um livro de romance, não foca somente nisso e sim no crescimento de Elle, que deve ser muito difícil perder tudo o que tem de uma hora para outra.
    Adoro séries e com certeza vou ler essa, gostei muito mesmo!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Nossa, que livro incrível! Eu quero muito ler esse livro. Adorei esse detalhe de ter alguns momentos mais hot, mas foca mais no crescimento da protagonista. Espero ter uma oportunidade em breve para ler o livro. Fiquei muito curiosa!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. Olá Sabrina,
    Ainda não li nada que se passa com uma banda de Rock, mas não é por falta de vontade, viu?
    Fiquei muito curiosa em relação a esse livro, pois ele parece ter uma história muito bem construída - e isso me pareceu ser feito de forma diferente.
    Outra coisa legal foi o foco no crescimento da personagem.
    Anotei a dica de leitura e espero curtir!
    Beijos ♥
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá

    Não conhecia esse livro ainda mas como não amar?? Tem musica e romance tudo que curto numa obra. Fiquei curiosa pela empolgação que você demostrou e se tiver oportunidade vou ler com toda certeza, a estória parecer ser bem construida e com personagens bem marcantes. Enfim, já quero.

    Bjos
    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/06/resenha-confissoes-de-uma-garota.html

    ResponderExcluir
  11. Oi!

    Eu estava interessada nesse livro até o momento que tu disse que o personagem era bad boy. Me cansei de ler histórias assim sabe? Pode ser que mais para frente eu veja se leio e finjo que essa característica nele não existe, mas até lá, é complicadinho. No resto, a história até me parece legal e a capa achei OK. Haha. Parabéns pela resenha (mesmo).

    beijo!

    ResponderExcluir
  12. Oie!
    Tudo bem ? Apesar de eu ser fã de rock e desse ser um ponto em comum com a história. Esse tipo de gênero não me agrada muito. Triângulos amorosos, fará mulherengo, a típica menina sofrida...muito clichê em um livro só. Mas para quem curte o gênero tenho certeza que vai gostar.
    Bj

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu ainda não conhecia o livro, mas já gostei da premissa!
    Ao contrário de você, eu adoro um triângulo amoroso hahaha! E também sou louca por bandas, então esse é sem dúvida um livro que vou adorar ler.
    Já anotei e espero lê-lo em breve, tô curiosa sobre a história!
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oii!
    Nossa, eu nunca tinha ouvido falar desse livro ou dessa série, mas fiquei muito feliz mesmo que a sua resenha tenha me apresentado a esse mundo, eu fiquei encantada! *-* Sou louca por histórias que envolvam bandas e músicas e a premissa desse livro parece muito incrível! Gosto bastante também de personagens fortes e me parece que a Elle é dessas que fala o que pensa mesmo. Fiquei também encantada com os dois meninos. Geralmente não gosto de triângulos amorosos, mas pelo que você escreveu, não parece que esse vá me incomodar. Gostei muito da dica, pretendo colocar na lista dos livros pra ler esse ano ainda! :)
    Beijos!

    www.beyondbluedoors.com

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Gosto de tramas regados a música. Fato! Gostei muito da história, apesar do triângulo. Amo enredos com esse universo. Chris deve ser um amor, não sei porque, mas gostei dele. Vamos vê como fica isso no decorrer da história. Amei a dica.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Nunca li livros que envolvesse temas musicais e esse parece ser ótimo. Pelo que percebi, a personalidade da Elle é bem forte e já até imagino a confusão que deve dar esse triângulo amoroso, certamente também me sentiria dividida e não saberia pra qual torcer pra Elle ficar. Espero ler o livro em breve!
    Beijos.
    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  18. Oii Sabrina, tudo bom? Eu amei sua resenha! É a primeiríssima que leio sobre esse livro e fiquei encantada, pois ele tem tudo o que geralmente gosto (tirando o triângulo amoroso, rs, mas pelo que falou acho que irei gostar também). Enfim, já quero muito ler <3 Vou anotar sua dica!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Oi sabrina,
    Nunca havia ouvido falar no livro e nem conhecia a autora a sua resenha está maravilhosa, muito bem redigida, porém não gosto da temática abordada pra compor essa trama e por isso não faria a leitura.
    Acho que só li um livro com pop star que gostei, os demais geralmente evito por também achar que já está virando super comum, ao lado de vampiros e CEO's.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oii!!

    Eu não conhecia esse livro é acho que nunca li nada em relação a bandas. Aliás faz tempo que não leio livros NA. Gostei muito da sua resenha! Detalhada, bem escrita e envolvente.
    Adorei!!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  21. Oi, tudo bem?

    Você me ganhou quando disse "bad boy misterioso" hahahaHa A-DO-RO ♥
    Bem, eu vivo uma relação de amor e ódio com triângulos amorosos. Amo porque, eu acho muito legal acompanhar esse tipo de relacionamento, mas as vezes odeio porque algumas atitudes que os personagens vão tomando me deixa irritada. ahaha

    Contudo, esse enredo me chamou muita atenção, principalmente por você ter trago tudo tão bem explicadinho, tão claro. Obrigada por isso, gostei mesmo. Essa questão musical da trama também me deixou bem atraída. Vou anotar a dica aqui.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 3/4

    ResponderExcluir
  22. Uau eu não conhecia esse livro ainda e devo admitir que sua resenha conseguiu me contagiar! Eu adoro esse tipo de livro e os personagens parecem ser bem cativantes também, estou bem ansiosa e pretendo adquirir meu exemplar em breve!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/?m=1

    ResponderExcluir
  23. Senhora doida do rock, morta hahahaha. Olha mulher, vou te falar uma coisa, gostei dessa resenha, quero ler, tipo muito. E sou team Chris. Não quero saber de amigo novo catando as mina. Kkk bjs Tayletitshine.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  24. Não sei se me enquadro na louca dos Rock Star, mas chego perto e gostei bastante da indicação, principalmente por não ser muito hot a história. Gostei do que você mencionou dos personagens do triângulo amoroso, um bad boy que tem seu lado mais politicamente correto e uma menina que não está com a vida fácil mas a língua permanece afiada.
    Dica devidamente anotada!

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir