A Rebelde do Deserto # 1 - Alwyn Hamilton

DSCN3463
Skoob – Avaliação: 5/5 Red heart
 
O deserto de Miraji é governado por mortais, mas criaturas míticas rondam as áreas mais selvagens e remotas, e há boatos de que, em algum lugar, os djinnis ainda praticam magia. De toda maneira, para os humanos o deserto é um lugar impiedoso, principalmente se você é pobre, órfão ou mulher.
Amani Al’Hiza é as três coisas. Apesar de ser uma atiradora talentosa, dona de uma mira perfeita, ela não consegue escapar da Vila da Poeira, uma cidadezinha isolada que lhe oferece como futuro um casamento forçado e a vida submissa que virá depois dele.
Para Amani, ir embora dali é mais do que um desejo — é uma necessidade. Mas ela nunca imaginou que fugiria galopando num cavalo mágico com o exército do sultão na sua cola, nem que um forasteiro misterioso seria responsável por revelar a ela o deserto que ela achava que conhecia e uma força que ela nem imaginava possuir.

autora

Então as histórias realmente ganhavam vida ali. Heróis e monstros lutavam e morriam pelo príncipe do deserto.

Amani é uma garota órfã que vive no deserto de Miraji. Sua mãe foi morta há alguns anos, e desde então ela vive com o tio, que tem mais filhos que pode alimentar, e uma esposa cruel. Sua maior vontade é fugir dali, mas isso é quase impossível no deserto, você não consegue chegar muito longe sem que te achem.

Seu plano é ganhar muito dinheiro no torneio de tiro da vila, escondida sob seu shemá e se passando por um garoto. Sua mira é perfeita, e nada a atrapalhará a conseguir o dinheiro para fugir, mas ela não esperava que um garoto tão bom quanto ela fosse aparecer na competição, e que ele traria a maior confusão da sua vida, juntamente com o exército do sultão na sua cola. Fugir com ele é sua única opção se quiser permanecer viva, mas será que os ventos do deserto os levarão para um lugar melhor com o qual ela sempre sonhou?

DSCN3469

Mais uma vez eu me encontro naquela situação de não conseguir descrever um livro que foi uma leitura tão incrível pra mim.

A rebelde do deserto é uma fantasia como nenhuma outra que li. Situada em um deserto (a vá!) que torna a vida cada vez mais difícil, não há tempo para futilidades, você já nasce com uma arma na mão sabendo se defender, seja você homem ou mulher.

O deserto é rodeado de criaturas mágicas, mas que a cada ano vão se tornando mais raras, pois o ferro as afasta e as fere, e esse mesmo ferro é a maior riqueza do local. Algumas dessas criaturas são seres que você nunca irá querer encontrar na vida, como os carniçais, que se alimentam de carne humana e assumem qualquer forma; mas outros você reza para encontrar, como os buraqi, cavalos de areia e vento que se vendidos para o comerciante certo podem lhe deixar rico (ou no caso, o seu dono/pai/marido).

Outra coisa muito cruel do deserto é a vida das mulheres. Elas são posse dos homens, e devem fazer todas as suas vontades (e apanhar caladas, é claro), quando uma menina chega à idade de se casar, ela é vendida a alguém ou mesmo um parente pode tomá-la como esposa, mesmo já tendo uma.

No deserto, você tinha que ficar atento aos carniçais nas sombras. Eles podiam assumir mil formas diferentes. Podiam ser andarilhos, seres altos e sem rosto que consumiam a carde de alguém e assumiam sua forma para poder se banquetear com o resto da família. Pequenos pesadelos com pele de couro, que cravavam os dentes no peito das pessoas enquanto elas dormiam e se alimentavam do seu medo até a alma ser sugada.

DSCN3479

O mais longe que eu conseguia chegar era quando minha mãe me contava histórias de ninar de Izman… A cidade dos mil domos dourados, com torres que arranhavam o azul do céu e tantas histórias quanto pessoas. Um lugar onde uma garota poderia pertencer a si mesma, uma cidade inteira tão rica de possibilidades que você quase tropeçava em aventuras na rua.

Amani é a protagonista que não aceita nada disso, e tentar mudar seu destino, principalmente por sua mãe que sempre lhe contava histórias sobre a irmã que vivia em Izman, uma cidade viva onde as mulheres eram livres e você não precisava temer nada, o sonho de ambas era partir um dia pra lá, e sair dessa vida do deserto. Ela não quer ser obrigada a casar, e muito menos quer ser a nova esposa do tio, vivendo no deserto pra sempre. Ela tem coragem e ousadia para correr atrás dos seus sonhos, e mais: ela é muito mais valente para os perigos do deserto que a maioria dos homens da história, não exitando quando tem que fazer uma escolha difícil, principalmente para seu próprio bem.

Acompanhar a sua jornada com Jim – o garoto misterioso- é estonteante, o livro é repleto de ação e aventura o tempo todo, quando você acha que já conhece o deserto e toda a magia do livro, a autora te surpreende ainda mais. Você se vê virando as páginas cada vez mais rápido, cada vez mais desesperada para saber o que vai acontecer a eles, e quem é Jim e porque ele está ‘ajudando’ Amani.

Em nenhum ponto da história eu me senti desapontada, entediada ou achei a história previsível, pelo contrário, quando eu achava que sabia de algo, a autora ia lá e me surpreendia mais ainda, deixando aquele livro muito mais complexo e muito mais mágico, e eu ficava ainda mais apaixonada pela história.

É um Buraqi… Um cavalo do deserto. Um ser primordial criado numa era anterior aos mortais, feito de areia e vento. Capaz de correr até o fim do mundo sem se cansar. Uma criatura que valia o seu peso em ouro, se capturada.

DSCN3473

A diagramação do livro é a coisa mais linda do mundo, e sinceramente ele acabou se tornando o mais lindo da minha estante. A editora manteve a capa original, e ela possui uma tinta dourada brilhante, mesclado com o azul (que lendo você entende muito bem o porquê dessa cor), de fundo temos as ondas da areia do deserto, e olhando bem a areia parece muito realista, e esse céu noturno estrelado também é perfeito, e combina perfeitamente com a história.  Todo começo do capítulo tem o mesmo padrão de desenhos da capa, com as ondulações do deserto. A fonte é de tamanho bom, as páginas amareladas e não encontrei nenhum erro. E mais uma vez o livro veio com marcador <3

O custo de uma vida dizia tudo o que era preciso saber sobre um lugar, especialmente na cidade do comércio, onde tudo era tratado como produto. Ali, a vida humana era o item mais barato.

DSCN3478

Por fim, devo dizer que A rebelde do deserto é um prato cheio para os amantes de fantasia, e principalmente para os amantes de um bom livro. Com uma história coesa, cheia de mistérios e aventuras, Alwyn conduz o leitor em uma jornada tão incrível, que te faz querer fazer parte daquele mundo repleto de magia e lutas pelo poder, e principalmente, com uma protagonista forte que não precisa de ninguém para salvá-la e que pode ser a chave para um futuro melhor aos moradores do deserto de Miraji.

E então, tudo o que eu podia enxergar era areia, e esqueci de todo o resto. Medo. Bombas. Jin. O deserto nos recebia com enormes braços abertos. A massa confusa que era puro caos nas ruas se tornou ordem na areia, um retorno ao lar.

DSCN3483

avaliação cupcake - Cópia

26 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Que resenha linda! Os objetos nas fotos vieram com o livro? Ele já está na minha meta de compras (que só cresce, mas Okey).

    Quando vi esse livro no site da editora foi paixão a primeira vista *o*

    http://blogmundodetinta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Agatha!
      Os itens são meus mesmo, só recebi o livro ;)
      Esse livro é paixão a primeira vista mesmo, tenho certeza que quando vc ler vai adorar a história, porque ela é eletrizante!

      Beijos!

      Excluir
  3. Já li algumas resenhas sobre esse livro e todas foram muito bem positivas, assim como a sua. É um gênero que me agrada bastante, por isso esse livro já está na minha lista de desejados deste o primeiro momento que soube de seu lançamento. Sua resenha ficou ótima, assim como as fotos.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  4. A primeira coisa que me chamou a atenção nesse livro foi a capa, é muito linda. E segundo é ele se passar no Deserto, é raro ter livros que passam lá e terceiro porque amo fantasia. Sua resenha foi muito boa, adorei as fotos.

    Beijos:*
    Escritas na Chuva

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Pelo que estou percebendo, esse livro está virando o queridinho de muitos leitores. É repleto de aventura, mas também encontramos criticidade e relata a vida cruel das mulheres nesse lugar, que podemos fazer algumas comparações.
    Quero muito ler!

    ResponderExcluir
  6. Acho que quanto mais gostamos do livro, menos conseguimos escrever sobre ele, quer dizer, no começo da resenha porque depois que a gente engata não para mais kkkk

    Eu já havia visto o livro mas ainda não me senti interessada para começar a leitura, mas mesmo assim, gostei de ver a sua resenha e saber um pouco mais sobre a obra. Gostei da maneira como você falou do livro e amei as fotos.

    ResponderExcluir
  7. Oi Sabrina, eu amei este livro e nem esperava tanto dele, uma vez que não leio muito literatura fantástica. Mas a Amani me conquistou pela força e pela coragem. Me diz uma coisa, Onde você conseguiu os cartuchos destas balas pra tirar foto com o livro??? hahahahahahahahhaha tudo a ver com o enredo, mas me assustou... confesso!!!
    O que dizer da Galera Record??? Que é maravilhosa???? E muito mais. Parabéns pela parceria, que os dois lados ganhem muito com isso e que o blog fique recheado de divulgações maravilhosas e resenhas instigantes!!!
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi
    Adorei sua resenha.
    Confesso que esse gênero não me atrai muito, mas devido as quantidade de resenhas positivas que tenho lido, estou pensando seriamente em dar uma oportunidade. Adorei conhecer a personagem. Adoro quando são fortes e destemidas. A capa também está um arraso e os quotes já revelam um pouquinho da obra.
    Está na minha listinha
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  9. Ola Sabrina Lindona menina já amei essa capa está linda, a premissa do livro e sua resenha me deixaram empolgadas para ler esse livro, adoro protagonistas destemidas dão mais ação o livro, ainda não conhecia o livro e lógico que irei ler. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  10. Olá Sabrina,
    Quero ler esse livro desde o lançamento, Achei muiro legal ele se passar no deserto.
    Um ponto que você disse em sua resenha e me fez ficar bem ansiosa pela leitura foi o fato de a protagonista não ser acomodada e correr atrás de Deus objetivos.
    Acho muito legal quando uma edição esta tão linda como você disse. Da aquela vontade de ter apenas para enfeitar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Não conhecia o livro e fiquei com muita vontade de ler depois da sua resenha. A protagonista deve ser uma menina de garra que só se contenta quando conseguir o que ela quer. Quero ver também como ela vai lidar com o fato de ter de ser submissa aos homens.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Olá, Sabrina, tudo bem?

    Eu acho a parte gráfica desse livro encantadora, já peguei ele na mão várias vezes nas minhas idas na Travessa ou na Leitura, mas ainda não comprei. ]
    Em meio a tantas propostas iguais, a desse livro traz um grande frescor. Eu leio a sinopse, leio as resenhas, e não consigo encontrar nenhuma semelhança sequer com algo que eu já tenha lido, e isso é fantástico.
    Já sei que eu vou sentir raiva do jeito como as mulheres são tratadas, mas essa busca de Amani pela cidade de Izman deve ser uma aventura e tanto.
    Adoro livros onde as mulheres são badass, então A Rebelde do Deserto é um prato cheio pra mim.
    Excelente resenha e lindas fotos!

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Essa capa está magnifica!! Eu queria só pela capa pq tinha pensado que não gostaria da trama. Mas ual! Achei incrível! Eu não gosto tanto de coisas sobrenaturais, criaturas incríveis sabe, mas eu notei q tem muito mais q isso pela sua resenha, tem um feminismo, tem um romance, tem uma ação! Fiquei simplesmente apaixonada!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  14. Olá

    Comprei esse livro essa semana é etapa doido para poder ler. O que mais me chama atenção é fala sobre a supremacia dos homens sobre as mulheres e mesmo assim ela permanecer forte. Acho que será uma ótima série. Adorei suas impressões e toda essa empolgação só me deixou mais curioso.

    Everton equipe Rillismo

    ResponderExcluir
  15. Oiee ^^
    Gente, eu preciso ler esse livro *-* De início eu não estava muito curiosa para lê-lo, mas tenho lido umas resenhas incríveis que falaram muito bem dele, então estou animadíssima! Saber que a autora criou e desenvolveu personagens femininas fortes é uma das coisas que mais me fazem querer lê-lo ♥ Eu não sou beeem uma fã de fantasia, mas algo me diz que vou gostar do livro.
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Em primeiro devo dizer que as suas fotos estão mega lindas. E depois estou lendo sobre este livro e em primeiro não tinha me interessado por se passar no deserto e ter um pouco desta coisa mágica e tudo o mais sabe, e aí eu fiquei meio receosa de não gostar e depois tem essa coisa que você falou de as mulheres sofrerem e isso e verdade. Mas ainda quero ter a oportunidade de ler.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  17. Oi!
    Eu já estava curiosa sobre esse livro e sua resenha me convenceu que vai ser uma das minhas próximas compras! A história parece ser maravilhosa, sou fã de fantasias e o deserto é um plano de fundo perfeito para uma aventura épica. Sem contar que o plano de fundo de uma sociedade machista e de uma garota que quer fugir disso me deixa ainda mais animada para ler!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Ai que coisa horrorosa essa vida das mulheres do deserto! Ser considerada posse de um homem, ser vendida, ter que apanhar calada e fazer coisas piores sem poder abrir a boca pra reclamar. Não sei se seria uma boa leitura para mim, mas achei legal o fato da autora ter te surpreendido tanto, de em nenhum momento ter achado a história previsível ou ter se sentido desapontada. De qualquer maneira, amo fantasia, magia faz meus olhos brilharem e provavelmente vou acabar me rendendo ao livro... rs...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  19. Oi querida, tudo bem?
    Amei sua resenha, de verdade. Muito bem escrita e empolgante, adorei!
    Eu estou doida para ler esse livro, eu até comprei ele mês passado, mas ainda não tive tempo de realizar a leitura. Nunca li nada que se passasse no deserto e isso me deixou muito curiosa desde que soube do lançamento desse livro. Sem contar que a sinopse já é muito atraente, né?! Adoro personagens que são fortes e não ficam de lenga-lenga.

    Enfim, parabéns pelo trabalho, gostei demais.
    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  20. Olá...
    Você acredita que to querendo muito mais muito ler porem não encontro tempo? kk estou correndo atrás de me atualizar em tudo antes de ler pois quero dar total atenção a esse livro, A Rebelde do Deserto é um livro instigante e de fantasia fora do normal, original e totalmente novo em folha, hoje em dia as fantasias estão começando a querer cair em um clichê porem A Rebelde Do Deserto é um livro que trás varias criticas a sociedade e isso é realmente incrível... amei sua resenha que só me deixou mais curiosa para saber o desfecho desse livro kk
    Beijocas...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Acho a capa desse livro um arraso, mas mesmo com todos os comentários positivos que tenho lido, não é um livro que faço tanta questão em ler, geralmente seria um gênero que eu leria, mas sabe quando você olha para um livro e não sente vontade em ler? É o que sinto em relação a esse.

    ResponderExcluir
  22. Apesar da diagramação ser bonitas, não me interessei pelo enredo em si, não é algo que gosto ou costumo ler, mas futuramente é outra história e quem sabe ate lá eu leia algo do gênero.

    ResponderExcluir
  23. Olá!

    Só de ler sua resenha eu já estou louca para ler este livro. Adorei o livro ser uma fantasia, com aquela pitada de distopia e uma personagem feminina forte. Estou curiosa para conhecer estas criaturas mágicas do deserto e saber o desfecho de tudo isso, espero que seja bom! Ah sim e quero saber se as intenções desse Jim são boas, espero que sim.
    Mais uma fantasia linda para minha lista.

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  24. Eu sou louca por fantasia, e adorei a premissa do livro e também a sua resenha, já quero conhecer esse mundo e os personagens! Só de saber que a personagem é forte e nada dependente eu já gostei dela! A capa está muito bonita, com certeza vai para a lista de leituras!
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  25. Oi Sabrina, eu só vejo coisas boas sobre esse livro e sua resenha me mostrou mais uma vez que vale a pena ler ele. Ele tem uma história bem diferente do que estou acoostumada e parece ser linda e comovente, super importante. Com certeza pretendo ler ele o quanto antes! Parabéns pela resenha.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/?m=1

    ResponderExcluir