Tudo e todas as coisas - Nicola Yoon

DSCN2871

Skoob – Avaliação: 5/5 Red heart

Minha doença é tão rara quanto famosa. Basicamente, sou alérgica ao mundo. Qualquer coisa pode desencadear uma série de alergias. Não saio de casa. Nunca saí em toda minha vida. As únicas pessoas que já vi foram minha mãe e minha enfermeira, Carla. Eu estava acostumada com minha vida até o dia que ele chegou. Olho pela minha janela para o caminhão de mudança, e então o vejo. Ele é alto, magro e está vestindo preto da cabeça aos pés. Seus olhos são de um azul como o oceano. Ele me pega olhando-o e me encara. Olho de volta. Descubro que seu nome é Olly. Talvez eu não possa prever o futuro, mas posso prever algumas coisas. Por exemplo, estou certa de que vou me apaixonar por Olly. E é quase certo que será um desastre.

* Livro recebido em parceria com Editora *

No início, não havia nada. E então, de repente, havia tudo.

DSCN2855

O meu aniversário é o dia do ano em que mais nos damos conta da minha doença. É a noção da passagem do tempo que faz que nos sintamos assim. Outro ano inteirinho de doença, sem nenhuma esperança de cura no horizonte. Outro ano sentimendo falta de todas as coisas que são normais na vida de qualquer adolescente…

Madeline está prestes a completar 18 anos, mas nunca conheceu o mundo fora de sua casa, o motivo? Ela possui uma doença raríssima, uma Imunodeficiência Combinada Grave, qualquer coisa pode desencadear várias reações nela, e pode ser fatal até mesmo respirar o ar sem o mesmo ser filtrado e purificado. As únicas pessoas que ela conhece e convive são sua mãe, sua enfermeira Carla e as vezes recebe visitas de seu professor de Arquitetura, mas tudo é completamente rápido e sem toques.

Mas a vontade de conhecer o mundo lá fora hoje não é tão grande mais, pois ela sabe que reparar no mundo que ela está perdendo só faz com que seja infeliz, e sofra ainda mais por ser doente e ter uma vida tão limitada. Apesar de tudo os relacionamentos que tem com Carla e sua mãe são maravilhosos, e ela não vê como seria possível esconder algo de uma das duas.

Porém, quando uma família se muda para a casa ao lado toda a sua vida vira de ponta cabeça. Olly, um garoto da sua idade tenta fazer amizade com ela a todo custo, com mímicas, escrevendo na janela de seu quarto… Até que ela cede e resolve conversar por email com ele, e ela percebe que tudo que ela sempre ignorou ao seu redor começa a voltar com força quanto mais sua amizade aumenta.

Coisas simples como ir à escola, ouvir o som dos pássaros começam a fazer falta a ela, e a amizade do garoto começa a se tornar algo a mais, Olly traz cor à sua vida que antes era tão sem graça. Os livros já não são sua prioridade, e sim poder conversar com ele pelo computador… Mas será que sua mãe permitiria que ela se encontrasse com o garoto? Permitiria que ela tentasse levar uma vida ‘normal’ mesmo tendo que estar sempre isolada dentro de uma bolha por causa da sua doença? Até onde o amor de sua mãe vai para protegê-la, e até onde essa paixão que sente por Olly é capaz de levá-la?

Quando mais eu tento deixar o mundo do lado de fora, ele parece cada vez mais determinado a entrar.

clip_image001

Penso no Olly… Ele é o oposto de todas essas coisas. Ele está em momentomento contante.

Ele é o maior risco que já encarei.

Esse livro foi uma das leituras mais amorzinho que tive até hoje, mesmo não gostando muito de romances de adolescentes. Tudo e todas as coisas é aquele livro que faz suspirar, te faz ficar com pena de Madeline e imaginar como deve ser triste e monótona a vida dela, ficar 18 anos presa dentro de uma casa por causa de uma doença não deve ser nada fácil. Mas quando Olly chega, tudo muda pra ela, simples ações como um toque, um abraço ou o leve roçar das mãos já é capaz de despertar sentimentos que Madeline nunca achou que ia ter, e ver esse romance surgindo foi realmente fofo.

Olly é o garoto com uma família bem problemática. Seu pai é um alcoólatra agressivo, sua mãe é passiva com relação ao marido, sua irmã é toda punk e isso revolta ainda mais seu pai. Mas o garoto é o defensor da família, é o que enfrenta o pai pela mãe e não deixa ele passar dos limites. Olly mesmo cheio dos problemas trás muita felicidade a vida sem graça da vizinha, ele quer compartilhar tudo que lhe trás felicidade com ela, e coisas simples, conversas banais mudam completamente os dois, para melhor.

Pela primeira vez em muito tempo, desejo mais do que aquilo que tenho.

clip_image002

Quando ela percebe que a sua vida não lhe proporciona mais a mesma felicidade, e que tudo que o mundo oferece é bem melhor do que todas as coisas que ela já teve até hoje, ela não pensa duas vezes em se jogar de cabeça, e isso me fez apegar mais a ela, que não teme nada. A narrativa criada pela autora pode parecer simples, mas é isso que torna o livro incrivelmente brilhante, a descoberta de um mundo, para alguém que foi privada de tudo, a vida toda.

Narrado por Madeline em forma de ‘diário’ você se sente mais próximo da garota, entrando em sua rotina de leituras, de como medir o tempo, seus estudos, brincadeiras com a mãe, e principalmente suas conversas com o menino da casa do lado, que tenta ao máximo a fazer sorrir.

clip_image003

Mas o que mais chama atenção nesse livro é a diagramação toda linda e colorida. O contraste entre o branco que era a vida de Madeline e o colorido que possui no mundo o qual ela sonha em conhecer, o colorido que Olly trás para sua vida. A edição feita pela Novo Conceito está perfeita, com certeza é o livro mais lindo lançado até hoje por eles, não só a capa possui as ilustrações, elas também estão nas orelhas do livro, no verso, dentro da história… o que da um charme a mais em tudo, ficando até mais bonita que a edição original estrangeira.

clip_image004

(Capa original estrangeira)

clip_image005clip_image006clip_image007clip_image008

Por fim, devo dizer que Tudo e Todas as coisas é um livro surpreendente, você se apega tanto a vida de Madeline e sua estranha doença que não tem como não querer que ela conheça o mundo que perdeu em seus 18 anos trancafiada dentro de uma casa. É um livro que você não consegue largar, um romance adolescente que vai muito além de um simples romance, e sim da descoberta de vários sentimentos de uma garota que nunca imaginou sentir nada disse, trata-se das cores que Olly trouxe a vida branca e sem graça de Madeline, e de como o amor pode libertar ou aprisionar uma pessoa.

PS: O livro está no Top Comentarista de Abril, não deixe de participar clip_image010

Se a minha vida fosse um livro e eu o lesse de trás para a frente, nada mudaria. Hoje é o mesmo que ontem. Amanhã será o mesmo que hoje. No livro de Maddy todos os capítulos seriam o mesmo.

avaliação cupcake - Cópia

tc abril mini

32 comentários:

  1. Que livro lindo, achei muito tocante a história, uma pessoa completamente fechada para todos que se abre para o verdadeiro amor, também achei o livro lindo só de olhar as fotos, e o mais interessante é que existem muitas pessoas assim como a personagem e nem percebemos

    ResponderExcluir
  2. Este livro mostra ser encantador, primeiramente por sua capa que é extremamente linda. E o que dizer de sua história? Existe algo mais tocante e puro, contando ao leitor a vida de uma adolescente completamente isolada do mundo, mas se vê com uma nova vida quando encontra seu primeiro amor? Sei que não.
    Já me sinto fisgada por Tudo e Todas as Coisas e quero ter a oportunidade de me deliciar nesta história em breve.
    Bjs, Sabrina!

    ResponderExcluir
  3. Eu estou desejando esse livro desde que a NC começou a sua divulgação. Tudo e Todas as coisas parecem ser um daqueles livros que nos tocam profundamente e nos fazem pensar em várias coisas, principalmente aquelas que não damos a devida importância, mas pra uma pessoa como a Madeline, pode representar algo muito significante, e até mesmo a própria liberdade.
    Esse livro me lembrou muito o livro nacional Uma Vida Para sempre (que por sinal eu recomendo muito) e que é um dos meus livros favoritos. Tenho a certeza que vou me emocionar muito com esse jovem casal, a única coisa que espero é que tenha um final feliz, e eu não vejo a hora de conhecê-los ♥
    Beijo :)

    ResponderExcluir
  4. Esse livro me conquistou: primeiro prla capa, segundo pela sinopse, terceiro por causa de todas as resenhas positivas que venho lendo pela blogosfera. Isso que não li nenhuma página do livro, mas já virou preferência na minha lista de desejados. Com certeza estou repleta de expectativas, mas sei que não vou me decepcionar.
    Beijos, Fer ♡

    ResponderExcluir
  5. Pela capa do livro, eu deixaria a dica passar fácil, mas sua resenha me deixou mega curiosa em relação a varias coisas. Primeiro em função da doença da protagonista e como é esta logística no dia a dia e claro, o romancinho que o livro traz. Espero poder conferir o mais rápido possível.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Ola Sabrina lindona eu estou tão curiosa com esse livro a cada elogio que leio sobre ele e a maneira de certa maneira leve de abordar a doença, a privação da protagonista. O fato do laço de amizade entre eles pelo visto ser bem forte me deixa comovida, afinal ela quer conhecer o mundo, e o mundo o qual ele vive é feio e triste. Dica mais que anotada, espero gostar assim como você. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  7. Olá....
    Me apaixonei por esse livro, a começar da capa... Pelo que li da sua resenha (e amei), Madeline parece ter uma história envolvente e mesmo Olly sendo um garoto cheio de problemas em casa, demonstra ser uma pessoa que vem para trazer cor à vida triste de Madeline.... Amo um bom romance e o contraste do branco e do colorido realmente deixaram o livro maravilhoso... Estou ansiosa para poder ler esse livro...
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Oi Sabrina, sabe que desde que eu vi o lançamento desse livro eu já fiquei super animada para lê-lo, acho que ele trás um assunto super importante e que nos faz refletir sobre a vida. Esse é um livro que está na minha lista para ser lido o quanto antes!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi Sabrina, tudo bem?
    Achei a capa do livro linda, e por tudo que você falou ela tem tudo a ver com essa história.
    Ainda não realizei essa leitura, mas já estou encantada com esse livro só de ler essa sua resenha maravilhosa!
    Amei a premissa da história, é bem o tipo de livro que gosto de ler e fiquei muito curiosa para conhecer essa personagem e ver como a vida dela mudou depois de conhecer o Olly.
    Espero ter oportunidade de ler em breve e espero gostar dessa história tanto quanto você!

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  10. Olá Sabrina,
    Achei o livro mesmo surpreendente e gostei bastante da leitura. A única coisa que me fez não favoritar o livro e não dar 5 estrelas, foi a falta que senti de uma carta no final e de uma explicação maior.
    Acho que a Maddy e o Olly foram bem construídos e são personagens maduros. Não gostei muito da mãe da Maddy, mas amei a Carla.
    Adorei sua resenha, está incrível e fico muito feliz que você tenha gostado do livro.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Amiga eu queria muito ler esse livro, mas como já vou para os EUA na sexta feira eu vou ter que mandar para minha colaboradora fazer a leitura e postar no blog, porque eu nao vou ter tempo nem pra respirar indo pra Disney rs

    Mas mesmo assim eu gostei bastante da sua resenha e não imaginava que o livro se tratava não só da menina que fica presa dentro de casa, mas do garoto também. EU fiquei surpresa ao ler sua resenha e sinceramente confesso que me encantou. Espero poder ter a oportunidade de ler assim que a Agatha me mandar de volta. Pode ter certeza que irei ler com muita calma e carinho, pois eu acho que irei gostar da trama. Adorei a maneira como desenvolveu seu ponto de vista e também as fotos ficaram lindas. Parabéns =]


    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/04/resenha-o-plano-e-o-amor.html

    ResponderExcluir
  12. Oiii!!

    Eu não li o livro ainda, mas quero há muito tempo! Na realidade desde que falaram sobre o lançamento dele, impossivel não se encantar com essa capa né? Eu acho que a NC está indo muito bem quando o assunto é lançamento de sicklit.
    O enredo é interessante e bem trabalhado, o que me ganha e sua resenha apenas me deixou curiosa! Gostei! Dica anotada e espero comprar logo <3
    AAAAAAAAH que bom que a capa se manteve, como disse, ela é linda!!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Estou muito ansiosa para ler esse livro, eu já gosto bastante de romances adolescentes e esse parece ser de uma leveza incrível, mesmo com a protagonista doente. Acho que essa descoberta do mundo pela Madeline deve ser muito boa de se acompanhar, sem contar que a diagramação está mesmo muito linda. Não sabia das ilustrações no interior, a editora caprichou mesmo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oi Sabrina!
    Esse livro vai ser lido em breve e to bem ansiosa. Muita gente tem elogiado e você mesma fez uma resenha super positiva a respeito dele, então quero ler em breve. É um livro de descobertas e aprendizado né? A gente - realmente - se apega ao personagem e isso é bom. Quero ler <3

    beijo!

    ResponderExcluir
  15. Oi *--*

    Confesso que adoro romances adolescentes e as descobertas de primeiro amor, essa foi umas das coisas que me chamaram atenção para o livro. Desde o lançamento que quero ler esse livro por conta disso e dos assuntos mais profundos e fico muito feliz que ele tenha virado favorito seu, já aumentou minhas expectativas.

    Bjos
    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Olá.
    Estou beeeem curiosa para ler esse livro, todas resenhas que li até agora são mega positivas.
    E a premissa do livro me agradou muito, na verdade estou pirando para ter esse livro na minha estante. Adoro o gênero e achei bem diferente dos que eu li.
    Só espero não me decepcionar com a forma que ele é escrito, tipo diário, pois o ultimo livro que eu li era mais ou menos assim e não me agradou, mas convenhamos que esse tem uma premissa MARAVILHOSA.
    Espero não largar o livro também até chegar na ultima página hehehehe
    Gostei de saber que aborda personagens também com problemas familiares, eu curto muito isso.
    Lindas suas fotos.

    ResponderExcluir
  17. Simplismente amei!
    Capa simples e linda! Achei o fofo o casal Madeline e Olly.
    É legal ler livros tipo diário é como se estivéssemos na história, gosto muito de livro com essa diagramação.
    - Que tristeza não poder sentir os pequenos prazeres que podemos viver. - é de sentir pena mesmo da Madeline. :(
    Mas gostei do enredo e da proposta da autora.
    Sinto que meu coração será esmagado com essa leitura e, claro, não quero perder!

    ResponderExcluir
  18. Nossa....eu já tinha lido algumas resenhas do livro mais ainda não tinha visto como ele era por dentro...a diagramação está linda!
    Eu curti muito a premissa do livro, ainda mais porque ele se baseia em uma doença rara mais real e da qual deve ser muito triste conviver.
    O livro já está na minha lista!
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  19. Olá.

    Primeiramente, que livro lindooooo! A editora arrasou na diagramação e parece bastante com a capa internacional. Gostei bastante da premissa da história e parece ser bem tocante. Fico feliz que o livro superou suas expectativas e que você gostou bastante da leitura.
    Amei sua resenha ♥
    Beijos!
    www.anebee.com.br

    ResponderExcluir
  20. Eu estou lendo esse livro e estou morrendo de amores! Eu gosto bastante de romance adolescente, mas esse realmente é um romance diferenciado que vai além dos clichês. A história da Maddy me fez ficar torcendo por ela a cada página e o Olly também é superfofo! Adoro o jeito que eles se aproximam e como tudo acontece naturalmente entre eles. A vida dela por ser privada, torcemos mesmo para que ela tenha a oportunidade de sair de sua casa e conhecer parte do mundo do lado de fora. Também achei a diagramação ótima, os desenhos e a capa ficaram lindos.
    Beijos!
    http://virandoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi Sabrina! Esse livro é realmente maravilhoso e muito amorzinho! Terminei de ler essa semana e adorei, também fiquei receoso por ser romance adolescente, que às vezes me dão nos nervos, mas fiquei apaixonado de cara pela história. A escrita da autora é muito envolvente, eu não via as páginas passando, e o final que ela deu me agradou bastante. A único coisa que não curti foi uma falta de aprofundamento de determinados temas no livro, mas acho que isso é só implicância minha mesmo kkkk A edição está realmente linda, vale muito à pena!
    Adorei a resenha, principalmente pelas fotos que estão lindas.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Eu também me sinto apegada a personagens que não temem experimentar novas situações. <3 Sempre fico feliz por eles. Parece que não será diferente com essa protagonista incrível. É muito corajoso da parte dela "enfrentar o mundo". :) Eu gostei de ler sua resenha. Não é a primeira, e certamente não será a última, que avaliará tão positivamente esse livro. Quero muito lê-lo – adorei a capa estrangeira e gostei de ver que a capa nacional preservou suas características.

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  23. Oi Sabrina,

    Eu também li o livro recentemente e gostei bastante da história, com algumas ressalvas é lógico, achei que a autora poderia ter se aprofundado um pouco mais na parte mais densa da trama e ter esclarecido melhor, todos os porquês, nos dando assim um desfecho mais satisfatório, mas ela optou por escrever uma trama que se focou apenas no romance como uma salvação, o que na verdade foi, mas não é um conceito muito sadio. No final achei que o livro foi bom, mas poderia ter sido bem melhor.
    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Que graça esse livro! Gostei da premissa, mas confesso que fiquei muito tocada com a situação da menina. Fui conquistada por Madeline! Além disso, gosto muito de literatura juvenil. Estou curiosa para saber como será essa descoberta de novos sentimentos da garota. Espero que tudo termine bem para ela. Dica anotada!

    Tatiana

    ResponderExcluir
  25. Legal manteram a mesma capa!
    Quero muito acompanhar essa tocante história de Madaleine,a doença que possui e tudo que acontece em sua vida após Olly.Que bom que ela não se queixa o tempo todo. Parece ser um livro lindo e tocante. Sua resenha me deixou muito curioso a respeito da história de Olly, Madeleine e a relação de com a enfereira e a mãe. É verdade que será feita a adaptação para o cinema?
    Parebéns pela dica.

    ResponderExcluir
  26. É a primeira vez que vejo algo relacionado ao livro e a autora. É um romance adolescente, aparentemente, mas eu quero ler toda essa fofura também. Parece fugir do comum de um jeito tão delicado e meigo que já me encanta apenas lendo a resenha.

    http://notasmentaisparaumdiaqualquer.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  27. Confesso que não tinha levado esse livro muito a sério. Até achei que fosse mais um desses livros de colorir pela capa haha mas li a sinopse e achei bem interessante. Que loucura deve ser viver assim ne? Fiquei curiosa pra saber mais. Madeline (me lembra uma personagem muito fofaaaaa de um desenho com o mesmo nome) parece ser bem esperta e enxerga as coisas de um modo que faz parecer engraçado pra gente de tão realista/pessimista.

    ResponderExcluir
  28. Na primeira vez que vi esse livro não me interessei muito por ele, mas agora estou vendo o quanto todo mundo está adorando e fiquei com a curiosidade de lê-lo. Fora que essa capa é linda. Nunca li um livro com esse tema, fico imaginando como deve ser horrível ser alérgica a tudo e nunca poder sair de casa, acho que eu não aguentaria. É como viver em uma bolha mesmo. O romance pelo visto parece ser daqueles bem fofinhos e leves. Faz tempo que não leio algo assim. E o que falar sobre essa edição? Maravilhosa! Não sabia que tinham ilustrações. Legal que a Novo Conceito tenha investido bastante nessa obra. Estou louca atrás do marcador transparente *-*

    ResponderExcluir
  29. Mais um livro que parece incrivel e pela sua resehha voce acha o mesmo. Eu acho que deve ser um livro muito lindo, tocante, emocional, pra te fazer refletir. Eu quero muito ler, descobri o blog por causa desse livro. Alem de que a capa é lindaa!

    ResponderExcluir
  30. Oi!
    Quando vi esse livro no lançamentos a capa logo me chamou atenção e lendo a sinopse a historia logo me deixou interessada, lendo a resenha o livro me conquistou, achei a historia bem emocionante pelo fato da Madeline não poder explorar o mundo e como sua relação como o Olly acaba trazendo possibilidades, realmente mesmo sendo um livro simples achei a historia bem envolvente e interessante e estou bem curiosa para descobrir o que ira acontecer !!

    ResponderExcluir
  31. Oi.

    Concordo com você, a vida dessa menina deve ter sido terrível, viver trancada em casa por 18 anos, sem praticamente contato nenhum com outras pessoas.
    Estou muito curiosa para saber qual desfecho a autora deu a essa estória tão peculiar.
    Estou muito ansiosa para desfrutar dessa leitura.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir