A Máquina de Contar Histórias - Maurício Gomyde

 

Na noite em que o escritor best-seller Vinícius Becker lançou A Máquina de Contar Histórias, o novo romance e livro mais aguardado do ano, sua esposa Viviana faleceu sozinha num quarto de hospital. Odiado em casa por tantas ausências para cuidar da carreira literária, ele vê o chão se abrir sob seus pés. Sem o grande amor da sua vida, sem o carinho das filhas, sem amigos... O lugar pelo qual ele tanto lutou revela-se aquele em que nunca desejou estar. Vinícius teve o mundo nas mãos, e agora, sozinho, precisa se reinventar para reconquistar o amor das filhas e seu espaço no coração da família V. Uma história emocionante, cheia de significados entrelaçados pela literatura, mostrando que o amor de um pai, por mais dura que seja a situação, nunca morre nem se perde.

 

Skoob – Avaliação: 4/5 – Romance

Vinícius Becker é um escritor de sucesso, e a sua vida se resume em viagens para seções de autógrafos e leituras, e mais trabalho para escrever novos livros, de modo que sua família, vive abandonada, principalmente sua esposa Viviane, que está morrendo de câncer no hospital, tendo somente suas filhas Valentina, de 17 anos, e Vida de 4 anos como companhia.

Depois de uma das seções de lançamento, Vitor descobre que seu celular estava desligado, e o ligando recebe a notícia que sua esposa faleceu sem ele poder se despedir. Correndo para a casa, só consegue chegar no final do enterro, onde descobre que também perdeu o amor de suas filhas, por ter sido tão ausente com elas, e principalmente por não ter apoiado Viviane nos últimos dias.

A partir daí, Vitor tem a difícil tarefa de reconquistar suas filhas, principalmente Valentina, que assumiu seu lugar junto a mãe no tratamento e então odeia o pai por ter as abandonado e dedicado seus dias a ser um escritor de mentira, onde seus personagens e histórias não são nada além de sentimentos tabelados e escolhidos antes da escrita.

DSCN1662_thumb[1]

A máquina de contar histórias é um livro emocionante, nele conhecemos a família V. Vinícius, que é um escritor famoso que dedica seus dias em novos projetos de livros, onde todos seus personagens são baseados em planilhas já prontas, e possuem vidas perfeitas, Viviane, uma mulher guerreira que é a que mantem a família unida, porém que luta com uma leucemia há 4 anos. Valentina, uma adolescente de 17 anos que está começando a escrever seus próprios livros, e Vida, uma menininha de 3 anos que adora sorvete. Eles eram uma família perfeita, alegre e unida, até que a notícia de um câncer sem possibilidade de cura em Viviane atinge a família, e Vitor se isola, com medo de sofrer de mais a perda da esposa.

Com esse isolamento, ele acabou perdendo também um pouco do amor das filhas, já que tudo ficou a cargo de Valentina, que tem só 17 anos, e Vida nem o reconhece como pai direito, pois ele nunca estava presente. Na tentativa de resgatar o amor de suas filhas, e conseguir o seu perdão, ele parte em uma viagem pelo mundo, tentando realizar as maiores vontades da filha, e de relembrar alguns momentos felizes que passou ao lado de Viviane.

Nessa viagem, ele também irá aprender que o maior perdão que precisa conseguir, é o dele mesmo, pois o isolamento foi a sua maneira de lidar com a dor, de perder aquele que mais amou na vida até o momento.

DSCN1666_thumb[1]

O tema do livro é bem real, e isso é o que encanta mais, pois você vê que essa história da família perfeita se desequilibrar por causa de uma doença pode acontecer com qualquer um, e a pessoa se enterrar no trabalho a fim de se isolar da dor também é uma maneira de fuga completamente realista, e a maneira que o personagem encontra depois para se reaproximar das filhas é linda, deixando o final com algumas revelações incríveis e emocionantes, e a mudança que ocorre na família V, reascendendo aquele espírito de união que se foi com o câncer de Viviane é encantador.

Esse foi o primeiro livro que li do autor, e posso afirmar que ele possui uma ótima escrita, bem rápida e direta, sem ficar enrolando em dramas do passado, e se afogando em culpas por isso ou aquilo. A história flui de uma maneira tão rápida, que você logo se vê no final, cheio de lágrimas nos olhos quando entende os motivos da viagem pelo mundo, e em como ele foi feliz na sua escolha de ficar com as filhas.

Não posso contar muito mais da história pois tudo pode ser um spoiler e estragar sua experiência, mas posso garantir que todos irão gostar desse livro, pois ele não é ‘mais um livro com um personagem com câncer’, é a história do ‘depois do câncer’ o que acontece com a família depois de tanta dor, para se reerguer e continuar tocando a vida, sem se deixar abater porém sempre lembrando com alegria daquela que partiu.

No fundo, as pessoas não compram autores, não compram livros. Compram a emoção que a história promete proporcionar. O que cada leitor quer é, durante a imersão no mundo criando pelo escritor, esquecer-se dos problemas, angústias e tragédias do dia a dia. Ou, ainda que por alguns instantes, experimentar uma vida diferente da sua realidade.

Ano: 2014 / Páginas: 192
Idioma: português
Editora: Novas Páginas

7 comentários:

  1. Olá!
    Eu fiquei muito atraída com a premissa do livro, pois parece-me der um livro bem intenso. A sua resenha me deixou com aquele gostinho de "está esperando o que para começar a ler esse livro, criatura?" e já coloquei no carrinho hahaha

    http://loucurasaovento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ooi,
    Não conhecia o livro ma amei a premissa e a sua resenha. Parece uma história emocionante...coloquei na minha lista.
    https://corujasdebiblioteca.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, flor!
    Eu tenho esse livro por aqui, mas quem disse que consigo tempo para lê-lo? D: Apesar disso, adorei ler sua resenha e ter a certeza de que vou adorar a experiência de me envolver com a narrativa desse autor tão querido e, também, de me encantar com uma história tão real que retrata um drama familiar. Lendo sua resenha, não entendi por que o livro não alcançou 5 estrelas com você.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oiii! Li este livro e vi nele uma trama um pouco diferente da sua, mas cada pessoa entende o que ler de forma diferenciada. Este foi o livro mais fraco do Mauríco, pois li O Rosto que precede o sonho e forei muitooo.
    Parabéns pela resenha

    Beijos da Fê
    As Catarina´s

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Gosto de livros com temas mais reais, me faz entrar mais na história.
    Conheci o autor na bienal e me arrependo de não ter comprado nenhum.
    Livros onde tbm o personagem é escritor eu amo.
    Adorei sua resenha

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Ai que bom que você se encantou com o livro!!! Conheci Maurício na Bienal do ano passado, em São Paulo, e sempre enrolei para ler esse livro. Mas quando li, me emocionei ao ponto de não querer largar o livro. Comecei a me questionar porquê não tinha lido-o antes. Poxa! Amei cada detalhe da história e vi que você também se encantou :D
    Maurício é um dos autores mais simpáticos a qual conheci, e sua obra nos encanta. Fiquei com um gostinho de conhecer as outras obras dele. E você?
    Beijos
    Ariana Silva
    http://ariabooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá

    Adorei a premissa do livro, a capa é linda, acho que nunca li um livro que abordasse o cancêr assim,achei bem diferente, vou procurar ele pra ler depois, gostei da sua resenha.

    Bjss

    ResponderExcluir